Marconi anuncia novo concurso para a PM

O governador de Goiás autorizou na manhã desta quarta-feira (10) a realização de um concurso com 2 mil vagas para Polícia Militar; “Após avaliação global da situação fiscal, financeira e social por que passa Goiás e o Brasil e também atendendo solicitação da base aliada, resolvi autorizar abertura de novo concurso público para admissão de 2 mil vagas na Polícia Militar, incluindo autorização da PEC dos Gastos. Importante ressaltar que está em andamento processo de convocação de 3,5 mil novos agentes de segurança, sendo que 2,5 mil novos PMs já serão admitidos em agosto deste ano.”, publicou o governador no Facebook

polícia goias
polícia goias (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - O governador de Goiás, Marconi Perillo, autorizou na manhã desta quarta-feira (10/5), a realização de um concurso com 2 mil vagas para Polícia Militar, além de autorização da PEC dos Gastos.

A decisão foi anunciada por Marconi através de suas redes sociais, após reunião com representantes da Segurança Pública, Casa Civil, Segplan e Secretaria da Fazenda.

“Após avaliação global da situação fiscal, financeira e social por que passa Goiás e o Brasil e também atendendo solicitação da base aliada, resolvi autorizar abertura de novo concurso público para admissão de 2 mil vagas na Polícia Militar, incluindo autorização da PEC dos Gastos. Importante ressaltar que está em andamento processo de convocação de 3,5 mil novos agentes de segurança, sendo que 2,5 mil novos PMs já serão admitidos em agosto deste ano.”, publicou o governador no Facebook.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email