Marconi busca ajuda federal para atrair novas montadoras

Governador Marconi esteve em Brasília e se reuniu com o com o ministro da Indústria, Marcos Antônio Pereira; objetivo do encontro foi o de buscar o apoio do Governo Federal na concessão de benefícios fiscais para as empresas; intenção do governador é que o ministério dê todo o suporte necessário tanto ao Estado quanto às montadoras, através do Programa de Incentivo à Inovação Tecnológica e Adensamento da Cadeia Produtiva de Veículos Automotores (Inovar-Auto); "Nós estamos trabalhando em conjunto, através do Inovar-Auto, para atrair mais montadoras de veículos para o Estado. Temos bons parques prontos para montadoras", disse Marconi

Brasilia-Audiencia com Ministro da Industria e Comercio,Exterior e Serviços Marcos Antonio Pereira fotos Eduardo Ferreira
Brasilia-Audiencia com Ministro da Industria e Comercio,Exterior e Serviços Marcos Antonio Pereira fotos Eduardo Ferreira (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - De posse de três protocolos de intenções de grandes montadoras de veículos interessadas em se instalar em Goiás, o governador Marconi Perillo reuniu-se em Brasília, na tarde desta quarta-feira (16), com o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Marcos Antônio Pereira. O objetivo do encontro foi o de buscar o apoio do Governo Federal na concessão de benefícios fiscais para as empresas.

A intenção do governador é que o MDIC dê todo o suporte necessário tanto ao Estado quanto às montadoras, através do Programa de Incentivo à Inovação Tecnológica e Adensamento da Cadeia Produtiva de Veículos Automotores (Inovar-Auto).

Trata-se de um regime automotivo do governo brasileiro que tem objetivo de criar condições de competitividade e incentivar as empresas a fabricar carros mais econômicos e mais seguros, investir na cadeia de fornecedores e em engenharia, tecnologia industrial básica, pesquisa e desenvolvimento e capacitação de fornecedores.

O Inovar-Auto estimula a concorrência porque tem como foco o aumento da competição e a busca de ganhos sistêmicos de eficiência e aumento de produtividade da cadeia produtiva, das etapas de fabricação até a rede de serviços tecnológicos e de vendas.

Os incentivos tributários do regime estão direcionados a novos investimentos, à elevação do padrão tecnológico dos veículos e de suas peças e componentes, e à segurança e eficiência energética veicular.

“Eu tenho conversado permanentemente com o ministro Marcos Antônio Pereira sobre a industrialização de Goiás. Nós estamos trabalhando em conjunto, através do Inovar-Auto, para atrair mais montadoras de veículos para o Estado. Temos bons parques prontos para montadoras. O que eu tenho feito aqui é buscar apoio, através do Inovar-Auto para que mais montadoras cheguem ao estado e, consequentemente, possamos gerar mais empregos”, declarou o governador.

Marconi exemplificou a eficiência das montadoras na geração de empregos, citando a Hyundai de Anápolis. ”Uma montadora do nível dela gera dois mil empregos diretos. Há ainda os empregos indiretos. Quanto mais investimentos nós conseguirmos atrair para o Estado, mais empregos estaremos criando. Por isso que Goiás, no ano de 2016, foi o estado que mais gerou empregos no País. Isso graças a esse trabalho persistente que o governo de Goiás realiza”, salientou.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247