Marconi descarta cortes na Saúde

Governador nega com veemência boatos de que servidores da pasta vão ser dispensados; declaração de Marconi dada durante almoço no Restaurante Popular da Dona Lourdes, que fica na Rua 72, no Centro de Goiânia; governador chegou ao local sem seguranças, cumprimentou funcionários e se serviu na cozinha do restaurante, como é costume no estabelecimento

Governador nega com veemência boatos de que servidores da pasta vão ser dispensados; declaração de Marconi dada durante almoço no Restaurante Popular da Dona Lourdes, que fica na Rua 72, no Centro de Goiânia; governador chegou ao local sem seguranças, cumprimentou funcionários e se serviu na cozinha do restaurante, como é costume no estabelecimento
Governador nega com veemência boatos de que servidores da pasta vão ser dispensados; declaração de Marconi dada durante almoço no Restaurante Popular da Dona Lourdes, que fica na Rua 72, no Centro de Goiânia; governador chegou ao local sem seguranças, cumprimentou funcionários e se serviu na cozinha do restaurante, como é costume no estabelecimento (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - O governador Marconi Perillo afirmou que o governo pode passar por eventuais ajustes fiscais, mas descartou que cortes cheguem à Saúde. Ele negou com veemência boatos de que servidores da pasta sejam dispensados, revela o jornal A Redação. Marconi se mostrou preocupado com os rumos da economia nacional, mas lembrou que Goiás foi um dos primeiros Estados a reduzir custos para enfrentar a crise.

O governador anunciou a medida durante almoço no restaurante popular da Dona Lourdes, que fica na Rua 72, no Centro de Goiânia Popular. Ele chegou ao local sem seguranças, cumprimentou funcionários e se serviu na cozinha do restaurante, como é costume no estabelecimento.

“Minha mãe vendia ovos para o restaurante, meu pai até hoje frequenta”, contou. "O deputado Roberto Balestra também sempre me recomenda", disse ao jornal A Redação.

 

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email