Mato Grosso do Sul quer parceria com Goiás na saúde

Goiás poderá colaborar com o Mato Grosso do Sul na qualificação dos trabalhadores da área técnica do Sistema Único de Saúde – SUS, e também na implantação dos sistemas de monitoramento e análise de indicadores; dirigentes da saúde do MS e de GO já se encontraram para promover a troca de experiência

Goiás poderá colaborar com o Mato Grosso do Sul na qualificação dos trabalhadores da área técnica do Sistema Único de Saúde – SUS, e também na implantação dos sistemas de monitoramento e análise de indicadores; dirigentes da saúde do MS e de GO já se encontraram para promover a troca de experiência
Goiás poderá colaborar com o Mato Grosso do Sul na qualificação dos trabalhadores da área técnica do Sistema Único de Saúde – SUS, e também na implantação dos sistemas de monitoramento e análise de indicadores; dirigentes da saúde do MS e de GO já se encontraram para promover a troca de experiência (Foto: Voney Malta)

Goiás 247 - Goiás poderá colaborar com o Mato Grosso do Sul na qualificação dos trabalhadores da área técnica do Sistema Único de Saúde – SUS, e também na implantação dos sistemas de monitoramento e análise de indicadores, como o do Conecta SUS Zilda Arns Neumann, da Secretaria da Saúde.

Recebida pela coordenadora do Centro de Educação Profissional – CEP-Saúde, Tânia Valéria, nesta quinta-feira, dia 8, a coordenadora do Telessaúde de Mato Grosso do Sul, Deisy Zanoni, visitou a Superintendência de Educação em Saúde e Trabalho para o SUS – Sest/SUS, no Bairro Santo Antônio, e o Conecta SUS para conhecer as estruturas.

Deisy Zanoni, que é também diretora da Escola Técnica do SUS naquele Estado, propôs estreitar o vínculo com Goiás, visto que a superintendente da Sest/SUS, Rafaela Veronezi, é a representante da região Centro-Oeste no Conselho Nacional de Secretários de Saúde – Conass.

Segundo ela, Mato Grosso do Sul tem grande interesse em promover a troca de experiências exitosas entre os dois estados. Numa primeira conversa com a equipe do CEP-Saúde de Goiás, ela avaliou como interessantes vários projetos executados, em especial o Itinerários do Saber.

O objetivo geral do Projeto Itinerários do Saber é promover o desenvolvimento de estratégias para a qualificação dos profissionais para o atendimento das demandas na área de saúde mental, que prevê a realização de cursos para profissionais da atenção básica. O primeiro deles é o curso de Formação em Saúde Mental (Crack, álcool e outras drogas), na modalidade presencial e o segundo é o Curso de Atualização em Saúde Mental, a distância (EaD), ambos com carga horária de 60 horas.

No Conecta SUS, Deisy Zanoni, conheceu toda a estrutura e processo de funcionamento da plataforma tecnológica, e, de imediato, afirmou que vai propor a possibilidade de um convênio de cooperação com a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás para que um sistema semelhante possa ser implantado no Mato Grosso do Sul. ​

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247