Militante que fez greve de fome pede união do povo brasileiro

O economista carioca Richard Faulhab, que fez greve de fome em apoio ao ex-presidente Lula, diz que o Brasil, "com tantas riquezas minerais, e também humanas, não tem como não estar no centro das atenções e interesses destes muito poderosos, cujo maior objetivo é enriquecer cada vez mais, às custas de quem quer que seja"; "Quanto mais nos unirmos, como [email protected] [email protected], mais união e força teremos para conseguirmos nos contrapor a cada um dos desmontes e saques de nosso país"

O economista carioca Richard Faulhab, que fez greve de fome em apoio ao ex-presidente Lula, diz que o Brasil, "com tantas riquezas minerais, e também humanas, não tem como não estar no centro das atenções e interesses destes muito poderosos, cujo maior objetivo é enriquecer cada vez mais, às custas de quem quer que seja"; "Quanto mais nos unirmos, como verdadeir@s irm@os, mais união e força teremos para conseguirmos nos contrapor a cada um dos desmontes e saques de nosso país"
O economista carioca Richard Faulhab, que fez greve de fome em apoio ao ex-presidente Lula, diz que o Brasil, "com tantas riquezas minerais, e também humanas, não tem como não estar no centro das atenções e interesses destes muito poderosos, cujo maior objetivo é enriquecer cada vez mais, às custas de quem quer que seja"; "Quanto mais nos unirmos, como [email protected] [email protected], mais união e força teremos para conseguirmos nos contrapor a cada um dos desmontes e saques de nosso país" (Foto: Leonardo Lucena)

247 - O economista carioca Richard Faulhab, que fez greve de fome em apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, escreveu um texto dizendo que o Brasil, "com tantas riquezas minerais (petróleo, água, área agricultável, ...), e também humanas, não tem como não estar no centro das atenções e interesses destes muito poderosos, cujo maior objetivo é enriquecer cada vez mais, às custas de quem quer que seja, se apropriando, através de todas as formas possíveis (intervenções militares, financiamentos de golpes políticos, compra dos poderes judiciários, ...), de todas as principais riquezas humanas e minerais de cada um e de todos os países do mundo, principalmente dos mais ricos em fontes de energia como o nosso país".

"Quanto mais nos unirmos, como [email protected] [email protected], mais união e força teremos para conseguirmos nos contrapor a cada um dos desmontes e saques de nosso país e de nossa gente, promovidos por estes nefastos muito poderosos", disse.

Leia a íntegra da nota:

[email protected] [email protected] e [email protected] de diária dedicação e luta humana e política,

Os muito poderosos conglomerados financeiros empresariais midiáticos continuam impondo seus massacres e suas trevas por todo o mundo.

E nosso país, com tantas riquezas minerais (petróleo, água, área agricultável, ...), e também humanas, não tem como não estar no centro das atenções e interesses destes muito poderosos, cujo maior objetivo é enriquecer cada vez mais, às custas de quem quer que seja, se apropriando, através de todas as formas possíveis (intervenções militares, financiamentos de golpes políticos, compra dos poderes judiciários, ...), de todas as principais riquezas humanas e minerais de cada um e de todos os países do mundo, principalmente dos mais ricos em fontes de energia como o nosso país.

Mas, não obstante esta realidade pesada, prosseguimos juntos nos nossos desafios e nas nossas dedicações diárias por um nosso país cada vez mais fraterno, cada vez mais inclusivo, com cada vez mais oportunidades equivalentes para [email protected], voltado principalmente para [email protected] @s [email protected] milhões de [email protected] com muito menos condições e oportunidades de dignidade humana neste nosso país.

Somos todos [email protected], e não podemos nos deixar esmorecer, até porque eu da minha parte entendo que o sentido fundamental de nossas vidas, aquele que nos traz verdadeiro prazer de viver, é nos dedicarmos a viver como verdadeiros [email protected] que [email protected] somos neste mundo, e nos dedicarmos principalmente aos nossos [email protected] mais esquecidos e marginalizados.

E este prazer e felicidade de nos dedicarmos a viver, e vivermos, como [email protected] [email protected] uns [email protected] [email protected], estes muito poderosos não tem como nos tirar.

E quanto mais nos unirmos, como [email protected] [email protected], mais união e força teremos para conseguirmos nos contrapor a cada um dos desmontes e saques de nosso país e de nossa gente, promovidos por estes nefastos muito poderosos.

Forte abraço fraterno a cada [email protected] !!

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247