Minas é segundo estado com mais parlamentares influentes

São nove, no total, perdendo apenas para para São Paulo, com 19 parlamentares; é o que aponta um levantamento do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap); mesmo tendo sido fortemente atingido pela delação da JBS, o senador Aécio Neves (PSDB) continua entre os mais influentes, junto com outros parlamentares, dentre eles, Fábio Ramalho (PMDB), Rodrigo Pacheco (PMDB) e Júlio Delgado (PSB); a saída da presidente deposta pelo golpe, Dilma Rousseff, não diminuiu a influência do PT no Congresso. O partido lidera o ranking de legendas com maior número de parlamentares na lista

São nove, no total, perdendo apenas para para São Paulo, com 19 parlamentares; é o que aponta um levantamento do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap); mesmo tendo sido fortemente atingido pela delação da JBS, o senador Aécio Neves (PSDB) continua entre os mais influentes, junto com outros parlamentares, dentre eles, Fábio Ramalho (PMDB), Rodrigo Pacheco (PMDB) e Júlio Delgado (PSB); a saída da presidente deposta pelo golpe, Dilma Rousseff, não diminuiu a influência do PT no Congresso. O partido lidera o ranking de legendas com maior número de parlamentares na lista
São nove, no total, perdendo apenas para para São Paulo, com 19 parlamentares; é o que aponta um levantamento do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap); mesmo tendo sido fortemente atingido pela delação da JBS, o senador Aécio Neves (PSDB) continua entre os mais influentes, junto com outros parlamentares, dentre eles, Fábio Ramalho (PMDB), Rodrigo Pacheco (PMDB) e Júlio Delgado (PSB); a saída da presidente deposta pelo golpe, Dilma Rousseff, não diminuiu a influência do PT no Congresso. O partido lidera o ranking de legendas com maior número de parlamentares na lista (Foto: Leonardo Lucena)

Minas 247 - Minas Gerais é o segundo estado com maior número de parlamentares influentes no Congresso Nacional. São nove, no total, perdendo apenas para para São Paulo, com 19 parlamentares. É o que aponta um levantamento do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap). Minas, que não tem, sequer, um ministério no governo de Michel Temer (PMDB) tem uma bancada de 53 deputados federais e três senadores. O estado vizinho tem 70 deputados e, no Senado, de três integrantes. 

Mesmo tendo sido fortemente atingido pela delação da JBS, o senador Aécio Neves (PSDB) continua entre os mais influentes, junto com os deputados Fábio Ramalho (PMDB), Rodrigo Pacheco (PMDB), Marcus Pestana (PSDB),  Antonio Anastasia (PSDB), Paulo Abi-Ackel (PSDB), Júlio Delgado (PSB), Marcos Montes (PSD) e Lincoln Portela (PRB). 

A saída da presidente deposta pelo golpe, Dilma Rousseff (PT), não diminuiu a influência do PT no Congresso. O partido lidera o ranking de legendas com maior número de parlamentares na lista. São 19. Na sequência aparecem PMDB (16), PSDB (13), DEM (7), PC do B e PP (6 cada), e PSB, Psol e PTB (3 cada).

Acesso o levantamento aqui 

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247