Mitsubishi vai dobrar produção em dois anos

Até 2014, a unidade de Catalão da montadora japonesa Mitsubishi deve produzir 400 veículos diários; a meta representa dobrar a produção atual

Mitsubishi vai dobrar produção em dois anos
Mitsubishi vai dobrar produção em dois anos
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Na série “O Brasil que mais cresce”, a Folha também destaca os planos de investimento da Mitsubishi em Catalão, afirmando que a montadora irá dobrar sua produção em dois anos. Confira abaixo:

O BRASIL QUE MAIS CRESCE

Montadora quer dobrar produção em dois anos

Mitsubishi almeja fabricar 400 veículos por dia em Catalão até 2014

Empresa foi a primeira automobilística a se instalar no Centro-Oeste, levada pelos incentivos fiscais

ENVIADA ESPECIAL A CATALÃO (GO)

Até 2014, a unidade de Catalão da montadora japonesa Mitsubishi deve produzir 400 veículos diários -quando chegou ao Brasil, em 1998, eram 15 veículos.

A meta representa dobrar a produção atual: hoje, são 200 veículos, entre as caminhonetes L200 Triton, Pajero TR4 e Pajero Dakar. Neste mês, deve começar a montar o modelo ASX. Outros três devem vir ainda neste ano.

A montadora está instalada no distrito industrial da cidade, ao lado de cerca de 50 empresas como a fabricante de tratores John Deere.

Única empresa que não pertence à montadora japonesa fora do Japão, a Mitsubishi Motors Corporation Automotores do Brasil é constituída por capital 100% brasileiro. Foi a primeira montadora a se instalar no Centro-Oeste, atraída pelas políticas de incentivos fiscais concedidos às empresas que se fixam em Goiás.

Para implantar sua fábrica em Catalão, a Mitsubishi levou em conta o fundo de participação e fomento à industrialização, o fundo constitucional do Centro-Oeste e o programa de desenvolvimento industrial de Goiás.

Também pesaram na decisão o elevado índice de venda de veículos 4x4 na região e a localização privilegiada.

A cidade fica próxima a grandes regiões produtoras de grãos e de gado e possui boa malha rodoferroviária que facilita o abastecimento e o escoamento da produção.

Segundo a Mitsubishi, a boa escolaridade dos trabalhadores também foi um fator para definir a instalação.

Além de fabricar veículos, a unidade de Catalão submete os modelos importados ao processo de nacionalização.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email