Moro estreia como colunista e cutuca Bolsonaro

Em sua coluna publicada na revista Crusoé, o ex-ministro Sérgio Moro cutucou Jair Bolsonaro e afirmou que, "na presente crise política, sanitária e econômica, precisamos dos militares, mas não dos seus fuzis, e sim dos exemplos costumeiros de honra e disciplina (…)"

(Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro estreiou como colunista da Crusoé e aproveitou para cutucar Jair Bolsonaro. "Os militares precisam ser honrados", disse. "Deles depende a segurança externa e a unidade do país. A história mostra que fizeram jus à confiança neles depositada nas batalhas mais difíceis. Na presente crise política, sanitária e econômica, precisamos dos militares, mas não dos seus fuzis, e sim dos exemplos costumeiros de honra e disciplina (…)", acrescentou.

O ex-ministro deixou o cargo no dia 24 de abril, quando apontou crime de responsabilidade de Bolsonaro. "O presidente me relatou que queria ter uma indicação pessoal dele para ter informações pessoais. E isso não é função da PF", denunciou Moro.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247