Motoristas do Uber cobram a regularização dos serviços

Motoristas do aplicativo Uber reuniram-se com vereadores e discutiram sobre a regularização do serviço em Teresina; a proposta foi do vereador Deolindo Moura (PT); os trabalhadores apresentaram alguns pontos quanto ao funcionamento dos serviços e sobre a necessidade de regulamentação do trabalho dos profissionais que atuam nas diversas plataformas, como da companhia indiana WillGo e a empresa brasileira T81, que disponibilizam serviços para transporte de passageiros

Motoristas do aplicativo Uber reuniram-se com vereadores e discutiram sobre a regularização do serviço em Teresina; a proposta foi do vereador Deolindo Moura (PT); os trabalhadores apresentaram alguns pontos quanto ao funcionamento dos serviços e sobre a necessidade de regulamentação do trabalho dos profissionais que atuam nas diversas plataformas, como da companhia indiana WillGo e a empresa brasileira T81, que disponibilizam serviços para transporte de passageiros
Motoristas do aplicativo Uber reuniram-se com vereadores e discutiram sobre a regularização do serviço em Teresina; a proposta foi do vereador Deolindo Moura (PT); os trabalhadores apresentaram alguns pontos quanto ao funcionamento dos serviços e sobre a necessidade de regulamentação do trabalho dos profissionais que atuam nas diversas plataformas, como da companhia indiana WillGo e a empresa brasileira T81, que disponibilizam serviços para transporte de passageiros (Foto: Leonardo Lucena)

Piauí Hoje - Motoristas do aplicativo Uber reuniram-se nesta quarta-feira com vereadores e discutiram sobre a regularização do serviço em Teresina. A proposta foi do vereador Deolindo Moura (PT).

Os trabalhadores apresentaram alguns pontos quanto ao funcionamento dos serviços e sobre a necessidade de regulamentação do trabalho dos profissionais que atuam nas diversas plataformas, como da companhia indiana WillGo e a empresa brasileira T81, que disponibilizam serviços para transporte de passageiros.

"Em Teresina, temos uma situação de conflito de duas categorias. De um lado, os taxistas, que tâm a concessão pública e prestam um serviço de longa data, e outra categoria que apresenta uma inovação, com as plataformas digitais e uso de aplicativos. Como vereadores, precisamos intermediar este impasse, ouvindo todos os lados e tentando equalizar essa sintonia sem que nenhuma das partes saia prejudicada e, acima de tudo, que os benefícios sejam para Teresina", reforça Deolindo Moura.

O advogado e motorista individual Eduardo Sindô destaca que a categoria defende o direito de transporte em qualquer plataforma móvel. "Buscamos a Câmara Municipal como forma de despertar e sensibilizar o Poder Público, pois queremos uma união entre o Executivo e o Legislativo para encampar esta luta em prol do povo de Teresina e de famílias que estão sobrevivendo desta modalidade de trabalho, que é pautada pela livre iniciativa presente na Constituição Federal, nos valores sociais de trabalho e na liberdade econômica de se buscar uma profissão", explica Eduardo.

Além de Deolindo Moura, participaram da reunião os vereadores Jeová Alencar (PSDB), Gustavo Gaioso (PTC), Luís André (PSL), Dr. Lázaro (PPS), Venâncio Neto (PP) e Luiz Lobão (PMDB), que se colocaram à disposição para buscar resolução para o impasse. Deolindo acrescenta que uma audiência pública será realizada em breve para ampliar a discussão sobre o tema.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247