“Não vão me intimidar”, diz reitor alagoano ameaçado por dar título a Lula

O reitor da Universidade Estadual de Alagoas, Jairo José da Costa, falou em entrevista ao DCM sobre a ameaça de morte que sofreu por estar entre uma das quatro universidades a entregarem o título de 'Doutor Honoris Causa' a Lula; "Saí para almoçar e ao retornar fui informado pela secretária que ela havia recebido um telefonema anônimo, com voz de homem, perguntando se eu estava. Como não era o caso, essa pessoa perguntou se ela poderia me dar um recado – ela disse que sim – perguntou se haveria uma cerimônia para entrega de título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula –ela disse sim – ao que ele ameaçou: "pois diga a ele que se ele fizer isso, no outro dia ele é um homem-morto, um homem-morto, entendeu?", conta o reitor

O reitor da Universidade Estadual de Alagoas, Jairo José da Costa, falou em entrevista ao DCM sobre a ameaça de morte que sofreu por estar entre uma das quatro universidades a entregarem o título de 'Doutor Honoris Causa' a Lula; "Saí para almoçar e ao retornar fui informado pela secretária que ela havia recebido um telefonema anônimo, com voz de homem, perguntando se eu estava. Como não era o caso, essa pessoa perguntou se ela poderia me dar um recado – ela disse que sim – perguntou se haveria uma cerimônia para entrega de título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula –ela disse sim – ao que ele ameaçou: "pois diga a ele que se ele fizer isso, no outro dia ele é um homem-morto, um homem-morto, entendeu?", conta o reitor
O reitor da Universidade Estadual de Alagoas, Jairo José da Costa, falou em entrevista ao DCM sobre a ameaça de morte que sofreu por estar entre uma das quatro universidades a entregarem o título de 'Doutor Honoris Causa' a Lula; "Saí para almoçar e ao retornar fui informado pela secretária que ela havia recebido um telefonema anônimo, com voz de homem, perguntando se eu estava. Como não era o caso, essa pessoa perguntou se ela poderia me dar um recado – ela disse que sim – perguntou se haveria uma cerimônia para entrega de título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula –ela disse sim – ao que ele ameaçou: "pois diga a ele que se ele fizer isso, no outro dia ele é um homem-morto, um homem-morto, entendeu?", conta o reitor (Foto: Romulo Faro)

247 - Às vésperas da 'caravana da cidadania', por meio da qual o ex-presidente Lula percorrerá o Nordeste brasileiro, o reitor da Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL), Jairo José Campos da Costa, falou em entrevista ao Diário do Centro do Mundo sobre a ameaça de morte que sofreu por estar entre uma das quatro universidades a entregarem o título de 'Doutor Honoris Causa' a Lula.

"No dia 26 de julho eu estava trabalhando na reitoria. Saí para almoçar e ao retornar fui informado pela secretária-executiva que ela havia recebido um telefonema anônimo, com voz de homem, perguntando se eu estava. Como não era o caso, essa pessoa perguntou se ela poderia me dar um recado – ela disse que sim – perguntou se haveria uma cerimônia para entrega de título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Lula –ela disse sim – ao que ele ameaçou: "pois diga a ele que se ele fizer isso, no outro dia ele é um homem-morto, um homem-morto, entendeu?".

Leia aqui a íntegra da entrevista.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247