Nelson Biondi será marqueteiro de Alckmin

Sem o apoio do PSB de Eduardo Campos, barrado pela ex-senadora Marina Silva, o deputado federal Duarte Nogueira, presidente do PSDB em São Paulo, também é a opção para ser candidato a vice; de Ribeirão Preto, ele é ligado ao agronegócio

Sem o apoio do PSB de Eduardo Campos, barrado pela ex-senadora Marina Silva, o deputado federal Duarte Nogueira, presidente do PSDB em São Paulo, também é a opção para ser candidato a vice; de Ribeirão Preto, ele é ligado ao agronegócio
Sem o apoio do PSB de Eduardo Campos, barrado pela ex-senadora Marina Silva, o deputado federal Duarte Nogueira, presidente do PSDB em São Paulo, também é a opção para ser candidato a vice; de Ribeirão Preto, ele é ligado ao agronegócio (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Nelson Biondi, que tem frequentado as reuniões com o PSDB-SP, foi oficializado como marqueteiro que vai comandar a campanha pela reeleição do governador Geraldo Alckmin.

Segundo Clarissa Oliveira, do Painel Online, Biondi traçou uma estratégia na qual será colocada em segundo plano a exposição pura de grandes obras de infraestrutura, inaugurações e cumprimento de promessas de campanha. A ideia é investir numa “humanização” de sua atuação à frente da administração estadual. Serão abordados em especial programas que interfiram no dia a dia das pessoas e haverá investimento pesado no discurso do aumento da qualidade de vida.

Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, também afirma que, sem o apoio do PSB-SP de Eduardo Campos, barrado pela ex-senadora Marina Silva, o deputado federal Duarte Nogueira, presidente do PSDB, é a opção de Alckmin para ser candidato a vice. De Ribeirão Preto, ele é ligado ao agronegócio.

Em contrapartida, o DEM ficaria com secretarias em um eventual novo governo tucano.

O jornalista Marcio Aith, secretário de Comunicação de Alckmin, é igualmente sondado para integrar a chapa.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email