Nordestinos são os que mais aprovam a Copa

Pesquisa Vox Populi encomendada pela revista Carta Capital revela que a região Nordeste concentra maior parte das pessoas que aprovam realização da Copa do Mundo da Fifa neste ano; segundo o instituto, 67% dos 2.201 entrevistados entre os dias 13 e 15 de fevereiro últimos disseram estar contentes com a competição no Brasil; 50% são a favor do evento e 39% não concordam; para 11%, a Copa é indiferente

Pesquisa Vox Populi encomendada pela revista Carta Capital revela que a região Nordeste concentra maior parte das pessoas que aprovam realização da Copa do Mundo da Fifa neste ano; segundo o instituto, 67% dos 2.201 entrevistados entre os dias 13 e 15 de fevereiro últimos disseram estar contentes com a competição no Brasil; 50% são a favor do evento e 39% não concordam; para 11%, a Copa é indiferente
Pesquisa Vox Populi encomendada pela revista Carta Capital revela que a região Nordeste concentra maior parte das pessoas que aprovam realização da Copa do Mundo da Fifa neste ano; segundo o instituto, 67% dos 2.201 entrevistados entre os dias 13 e 15 de fevereiro últimos disseram estar contentes com a competição no Brasil; 50% são a favor do evento e 39% não concordam; para 11%, a Copa é indiferente (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - Pesquisa Vox Populi encomendada pela revista Carta Capital revela que a região Nordeste concentra maior parte das pessoas que aprovam realização da Copa do Mundo da Fifa neste ano. Segundo o instituto, 67% dos 2.201 entrevistados entre os dias 13 e 15 de fevereiro últimos disseram estar contentes com a competição no Brasil.

Pesquisa mostrou que 50% são a favor do evento e 39% não concordam. Para 11%, a Copa é indiferente. Levantamento foi feito em 161 municípios e tem margem de erro de 2,1 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Segundo o Vox Populi, no Sul apenas 35% da população se diz favorável ao Mundial no Brasil, enquanto 49% se declaram contra.

Instituto aponta que quanto menor a cidade, maior o apoio aos jogos. Nos pequenos municípios, 55% da população é favorável ao evento.

Já nas capitais, o índice é de 50%, contra 43% das regiões metropolitanas e 41% das cidades grandes. Na zona rural, o apoio é de 62%. Entre os homens, 53% querem a Copa, contra 47% das mulheres.

Porcentagem também varia de acordo com o nível de escolaridade e renda. Quanto maior nestes quesitos, menor o apoio ao Mundial. Entre os que estudaram até o ensino fundamental, 53% são favoráveis. Índice cai para 48% entre quem estudou até o ensino médio e para 43% entre quem tem ensino superior.

Maioria (56%) dos que recebem até dois salários mínimos apoia o evento, mas o índice cai para 45% entre os que ganham mais de cinco salários.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email