Nota da Odebrecht

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Odebrecht Infraestrutura, responsável pela construção da Arena Pernambuco, informa que os trabalhadores chegaram a parar as atividades nesta manhã de quinta-feira (09). Após reunião com a direção da obra, metade dos operários voltou ao serviço e a outra parte resolveu ir embora. Ontem (08), no final da tarde, os trabalhadores também paralisaram as atividades, mas a situação foi contornada logo após reunião com a direção da obra. O turno prosseguiu sem maiores problemas. Em nenhum momento houve confronto entre trabalhadores e policiais.

A Odebrecht Infraestrutura esclarece que:

1- Concedeu aumento de 10,5% desde o dia 1º de agosto;

2- Já paga salários iguais aos praticados em Suape. Desta forma, enquanto o salário estabelecido pela convenção é de R$ 991,85, um profissional da Arena Pernambuco recebe R$ 1.106,35;

3- Ampliou a folga de um para três dias para trabalhadores que moram mais distante.

As demais solicitações dos trabalhadores são:

1- Plano de saúde;

2- Folga no dia do pagamento;

3-Reajuste nas horas extras.

A Odebrecht Infraestrutura esclarece que, como faz parte de Convenção Estadual Trabalhista, não pode atender tais solicitações, a menos que as mesmas sejam acatadas pela convenção. Por esta razão, as negociações estão sendo conduzidas entre o Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplanagem no Estado de Pernambuco (Sintepav-PE) e o Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada (Sinicon-PE).

A empresa lembra que já paga aos seus funcionários 30 horas mensais do Programa de Incentivo à Produtividade (PIP) e 90 horas semestrais referentes à Participação de Lucros e Resultados (PLR), que juntos somam 270 horas semestrais, além de oferecer benefícios como transporte, alimentação e serviços de saúde, prezando pelo bem-estar do trabalhador.

A Odebrecht Infraestrutura reforça sua posição de respeito à Convenção Coletividade Trabalho e o seu compromisso com os prazos estabelecidos para a construção do estádio, esperando o mesmo dos trabalhadores, categoria que têm importante papel nesta obra histórica.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email