Número de homicídios cresce 86,7% em Fortaleza e 37,6% no Estado

Dados divulgados nesta quarta (10) pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) apontam aumento de 86,7% no número de homicídios em Fortaleza no mês de abril, se comparado ao mesmo período do ano passado. Houve crescimento em todas as regiões e, no Estado, o índice ficou em 37,6%

Dados divulgados nesta quarta (10) pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) apontam aumento de 86,7% no número de homicídios em Fortaleza no mês de abril, se comparado ao mesmo período do ano passado. Houve crescimento em todas as regiões e, no Estado, o índice ficou em 37,6%
Dados divulgados nesta quarta (10) pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) apontam aumento de 86,7% no número de homicídios em Fortaleza no mês de abril, se comparado ao mesmo período do ano passado. Houve crescimento em todas as regiões e, no Estado, o índice ficou em 37,6% (Foto: Rodrigo Rocha)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará 247 - O número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) aumentou em todas as regiões do Ceará durante o mês de abril, em comparação ao mesmo período do ano passado. De acordo com dados divulgados nesta quarta-feira (10), pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Fortaleza lidera o índice, com crescimento de 86,7% - foram 377 crimes deste tipo este mês, contra 274 em abril de 2016. A Região Metropolitana registrou aumento de 16,4%; Interior Norte e Interior Sul, 34,6% e 11,3%, respectivamente. 

Levando em consideração todas as regiões do Estado, o aumento ficou em 37,6%. De acordo com o governador Camilo Santana (PT), o aumento não é motivado apenas pela mudança de secretário, mas também a um “movimento nacional em relação às facções” e à reação a ocupação da Polícia.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email