O Tempo sugere Adalclever como governador em 2018

É plausível uma candidatura do presidente da ALMG Adalcléver Lopes (PMDB) ao governo de Minas nas eleições de 2018, concorrendo com Fernando Pimentel - é isso que afirma a matéria do jornal O Tempo desta segunda-feira (19); esse seria o plano do PMDB em uma conjuntura de ruptura com a base petista nesta legislatura; o vice-governador Antônio Andrade - também da sigla - tentaria uma cadeira no Senado, deixando livre o caminho para Lopes

É plausível uma candidatura do presidente da ALMG Adalcléver Lopes (PMDB) ao governo de Minas nas eleições de 2018, concorrendo com Fernando Pimentel - é isso que afirma a matéria do jornal O Tempo desta segunda-feira (19); esse seria o plano do PMDB em uma conjuntura de ruptura com a base petista nesta legislatura; o vice-governador Antônio Andrade - também da sigla - tentaria uma cadeira no Senado, deixando livre o caminho para Lopes
É plausível uma candidatura do presidente da ALMG Adalcléver Lopes (PMDB) ao governo de Minas nas eleições de 2018, concorrendo com Fernando Pimentel - é isso que afirma a matéria do jornal O Tempo desta segunda-feira (19); esse seria o plano do PMDB em uma conjuntura de ruptura com a base petista nesta legislatura; o vice-governador Antônio Andrade - também da sigla - tentaria uma cadeira no Senado, deixando livre o caminho para Lopes (Foto: Luis Mauro Queiroz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 - Na edição desta segunda-feira (19), O Tempo sugeriu que é plausível a candidatura do presidente da Assembleia de Minas Adalclever Lopes (PMDB) ao governo estadual nas eleições de 2018, concorrendo contra a reeleição de Pimentel, que atualmente tem 73% de aprovação dos mineiros. Segundo o jornal, esse seria o plano do PMDB em um cenário de rompimento com a base governista. 

Em outro palpite, a matéria supõe que o vice-governador Antônio Andrade, também da sigla de Adalclever, não se lançaria para o governo, mas possivelmente tentaria uma cadeira no senado, situação que irritou membros da base petista em Minas. "A candidatura de Andrade ao Senado é um dos motivos que teria deixado o deputado federal petista Reginaldo Lopes contrariado. Ele espera ser o candidato do PT em 2018 e não esperava enfrentar um "adversário" da base de Pimentel."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email