OAB-GO se posiciona a favor do impeachment

Em reunião de emergência na noite desta quarta-feira (16), convocada pela OAB nacional, o Conselho Seccional da OAB de Goiás se posicionou a favor do pedido de afastamento da presidente Dilma Rousseff (PT); foram 62 votos a favor, 11 contra, três abstenções e 14 ausências; para o presidente Lúcio Flávio, a OAB-GO, "que nunca faltou à sociedade brasileira em momentos passados, mais uma vez, se fará presente na defesa da Constituição e do povo brasileiro"; na semana passada, Lúcio Flávio afirmou que o PT havia profissionalizado a corrupção

Em reunião de emergência na noite desta quarta-feira (16), convocada pela OAB nacional, o Conselho Seccional da OAB de Goiás se posicionou a favor do pedido de afastamento da presidente Dilma Rousseff (PT); foram 62 votos a favor, 11 contra, três abstenções e 14 ausências; para o presidente Lúcio Flávio, a OAB-GO, "que nunca faltou à sociedade brasileira em momentos passados, mais uma vez, se fará presente na defesa da Constituição e do povo brasileiro"; na semana passada, Lúcio Flávio afirmou que o PT havia profissionalizado a corrupção
Em reunião de emergência na noite desta quarta-feira (16), convocada pela OAB nacional, o Conselho Seccional da OAB de Goiás se posicionou a favor do pedido de afastamento da presidente Dilma Rousseff (PT); foram 62 votos a favor, 11 contra, três abstenções e 14 ausências; para o presidente Lúcio Flávio, a OAB-GO, "que nunca faltou à sociedade brasileira em momentos passados, mais uma vez, se fará presente na defesa da Constituição e do povo brasileiro"; na semana passada, Lúcio Flávio afirmou que o PT havia profissionalizado a corrupção (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - Em reunião de emergência na noite desta quarta-feira em Goiânia, convocada pelo comando nacional da OAB, o Conselho da OAB Goiás se posicionou a favor do pedido de afastamento da presidente Dilma Rousseff (PT). Foram 62 votos a favor, 11 contra, três abstenções e 14 ausências.

O presidente da OAB-GO, Lúcio Flávio de Paiva, afirmou que a decisão da seccional goiana já foi informada aos dirigentes da entidade. O Conselho Federal da OAB convocou reunião para sexta-feira em que deve anunciar o apoio total ao impeachment da presidente Dilma.

No final da solenidade em Goiânia, os advogados cantaram o Hino Nacional. Para o presidente Lúcio Flávio, a OAB-GO, que nunca faltou à sociedade brasileira em momentos passados, mais uma vez, se fará presente na defesa da Constituição e do povo brasileiro. 

Na semana passada, Lúcio Flávio disse que o PT havia profissionalizado a corrupção. "A sociedade precisa combater nosso grande mal, o grande câncer da atualidade: a corrupção. Isso não pode continuar do jeito que está. Não podemos aceitar mais. Não é que a corrupção nasceu no governo do PT; corrupção existe desde quando o primeiro português pisou em Porto Seguro. Mas ela se profissionalizou no governo do PT”.

 

 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247