PC do B confirma pré-candidatura de Edvaldo a prefeito de Aracaju

O PC do B realizou, no último final de semana, sua conferência municipal em Aracaju, para discutir os encaminhamentos da legenda em 2016; o nome do ex-prefeito Edvaldo Nogueira foi apresentado como pré-candidato da sigla e referendado por todos os delegados municipais; o presidente do diretório da capital, Antônio Bittencourt, ressaltou que o encontro foi marcado pela “unidade e pelo consenso”; ele disse que o pleito do próximo ano para o PC do B “não é encarado como um jogo preliminar para 2018”; “O nosso projeto é para 2016. É para valer. Não é como alguns nomes que enxergam na eleição do próximo ano um caminho para se cacifar para o pleito de 2018. Para o PC do B, 2016, é a nossa final de Copa do Mundo”, comparou

O PC do B realizou, no último final de semana, sua conferência municipal em Aracaju, para discutir os encaminhamentos da legenda em 2016; o nome do ex-prefeito Edvaldo Nogueira foi apresentado como pré-candidato da sigla e referendado por todos os delegados municipais; o presidente do diretório da capital, Antônio Bittencourt, ressaltou que o encontro foi marcado pela “unidade e pelo consenso”; ele disse que o pleito do próximo ano para o PC do B “não é encarado como um jogo preliminar para 2018”; “O nosso projeto é para 2016. É para valer. Não é como alguns nomes que enxergam na eleição do próximo ano um caminho para se cacifar para o pleito de 2018. Para o PC do B, 2016, é a nossa final de Copa do Mundo”, comparou
O PC do B realizou, no último final de semana, sua conferência municipal em Aracaju, para discutir os encaminhamentos da legenda em 2016; o nome do ex-prefeito Edvaldo Nogueira foi apresentado como pré-candidato da sigla e referendado por todos os delegados municipais; o presidente do diretório da capital, Antônio Bittencourt, ressaltou que o encontro foi marcado pela “unidade e pelo consenso”; ele disse que o pleito do próximo ano para o PC do B “não é encarado como um jogo preliminar para 2018”; “O nosso projeto é para 2016. É para valer. Não é como alguns nomes que enxergam na eleição do próximo ano um caminho para se cacifar para o pleito de 2018. Para o PC do B, 2016, é a nossa final de Copa do Mundo”, comparou (Foto: Valter Lima)

Valter Lima, do Sergipe 247 - O PC do B realizou, no último final de semana, sua conferência municipal em Aracaju, para discutir os encaminhamentos da legenda em 2016. O nome do ex-prefeito Edvaldo Nogueira foi apresentado como pré-candidato da sigla e referendado por todos os delegados municipais. O presidente do diretório da capital, Antônio Bittencourt, ressaltou que o encontro foi marcado pela “unidade e pelo consenso”. O presidente estadual da legenda, Hallison Souza, pontuou a presença dos trabalhadores e da juventude no encontro e a “percepção de todos” dos problemas da atual gestão.

Bittencourt destacou a importância da disputa na cidade para o partido e disse que o pleito do próximo ano para o PC do B “não é encarado como um jogo preliminar para 2018”. “O nosso projeto é para 2016. É para valer. Não é como alguns nomes que enxergam na eleição do próximo ano um caminho para se cacifar para o pleito de 2018. Para o PC do B, 2016, é a nossa final de Copa do Mundo”, comparou. Para ele, o ex-prefeito é o “melhor nome” do grupo de partidos que fazem oposição ao prefeito João Alves Filho (DEM). “É o melhor nome e não cria cizânia na disputa de 2018. Edvaldo será, na eleição estadual, um elemento estimulador do consenso e da unidade do grupo. Por isso, apresentamos o seu nome”, justificou.

Ao defender a pré-candidatura do partido, Bittencourt avalia que “a cidade tem visivelmente perdido o nível dos serviços, o que faz com que a população compare a atual gestão com o trabalho desenvolvido por Edvaldo, e reconheça a necessidade que o ex-prefeito volte a comandar a prefeito de Aracaju”.

“O projeto do prefeito João Alves Filho é usar a eleição de Aracaju como trampolim para ser candidato a governador em 2018. Ele não pensa o cotidiano da cidade. De forma, que João está destruindo tudo que foi deixado organizado pela gestão passada, em nome de um projeto particular do seu grupo. A tarefa do novo prefeito será grandiosa, de reestruturação da cidade. Nós acreditamos que Edvaldo será capaz de fazer isso”, reforçou.

Aliados

Como presidente do partido na capital, Antônio Bittencourt disse que iniciará as conversas com os aliados em buscar do apoio ao ex-prefeito. “Nosso esforço é manter unido o grupo”, frisa. Ele ressalta ainda que o governador Jackson Barreto como “figura central do bloco e liderança” terá papel fundamental. “Não apenas por ser o governador, mas por causa da sua liderança e experiência. Trabalharemos para ter o apoio do líder JB”, afirmou.

Em relação à eleição proporcional, Bittencourt disse que o PC do B lançará uma chapa competitiva de vereadores. “Já temos alguns nomes, como a nossa vereadora Lucimara Passos, Edival Góis, o meu nome, e outros se juntarão a nós para montarmos uma chapa consistente, com reais possibilidades de vitória tendo a vista o potencial da pré-candidatura de Edvaldo Nogueira a prefeito”, salientou.

Futuro

Hallison Souza disse que a opinião unânime de todos os presentes no encontro foi de que “a atual gestão é desastrosa e não contribui para o desenvolvimento da cidade”. Ele ressaltou que o PC do B realizará até junho do próximo ano uma série de conferências temáticas para discutir o futuro da cidade.

“Queremos junto à sociedade construir um projeto que tenha perspectiva de futuro. Então realizamos conferências sobre Educação, Saúde, Mobilidade, Esporte e Lazer, Saneamento, Desenvolvimento Urbano, para construir um projeto para Aracaju. Quando Edvaldo foi prefeito, ele desenvolveu uma série de inovações. De modo que neste momento de crise, o gestor precisa atuar com criatividade. É isso que apresentaremos para os aracajuanos”, afirmou

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247