Pedro Paulo fala em aliar tradição e renovação e critica atual comando da OAB-GO

Advogado Pedro Paulo de Medeiros surge como a aposta de três grupos para desbancar o atual presidente da OAB-GO, Lúcio Flávio Paiva; "Para convergir, tivemos que encontrar o que nos unia. E o que nos une é o interesse de ver a Ordem sendo administrada para os advogados, e não para os interesses pessoais de um grupo”; Gastos estratosféricos com publicidade, fazendo propaganda da OAB como se fosse uma mercadoria, uma loja de departamentos que precisa aparecer para vender serviços”, disse o advogado em referência à atual gestão

Advogado Pedro Paulo de Medeiros surge como a aposta de três grupos para desbancar o atual presidente da OAB-GO, Lúcio Flávio Paiva; "Para convergir, tivemos que encontrar o que nos unia. E o que nos une é o interesse de ver a Ordem sendo administrada para os advogados, e não para os interesses pessoais de um grupo”; Gastos estratosféricos com publicidade, fazendo propaganda da OAB como se fosse uma mercadoria, uma loja de departamentos que precisa aparecer para vender serviços”, disse o advogado em referência à atual gestão
Advogado Pedro Paulo de Medeiros surge como a aposta de três grupos para desbancar o atual presidente da OAB-GO, Lúcio Flávio Paiva; "Para convergir, tivemos que encontrar o que nos unia. E o que nos une é o interesse de ver a Ordem sendo administrada para os advogados, e não para os interesses pessoais de um grupo”; Gastos estratosféricos com publicidade, fazendo propaganda da OAB como se fosse uma mercadoria, uma loja de departamentos que precisa aparecer para vender serviços”, disse o advogado em referência à atual gestão (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - O advogado Pedro Paulo de Medeiros foi o escolhido por três grupos para ser o candidato disposto a desbancar o atual presidente da OAB-GO, Lúcio Flávio Paiva. Na eleição passada, o grupo Forte rachou e embalado por um discurso de renovação, Lúcio faturou o pleito.

Percebendo o erro, os grupos agora se uniram e apostam todas as fichas em Pedro Paulo. Segundo ele, após mais de um ano de tratativas, a OAB Forte, a OAB Independente e a OAB Renovação chegaram a um consenso para as eleições deste ano. “Para convergir, tivemos que encontrar o que nos unia. E o que nos une é o interesse de ver a Ordem sendo administrada para os advogados, e não para os interesses pessoais de um grupo”, defendeu.

Pedro Paulo de Medeiros não poupa críticas à atual diretoria, que diz ter transformado a instituição em uma máquina de promoção pessoal dos atuais gestores. “Gastos estratosféricos com publicidade, fazendo propaganda da OAB como se fosse uma mercadoria, uma loja de departamentos que precisa aparecer para vender serviços”, disse, em entrevista ao Jornal Opção.

O pré-candidato afirma que esse é um dos principais motivos da união das oposições: a falta de compromisso da gestão Lúcio Flávio para com a classe. “Basta pegar as promessas assumidas em 2015 para ver que não cumpriram nada. É uma gestão personalista”, completou.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247