Pepe Vargas: Sartori e Brigada devem explicações sobre enquadro a jornalista

Nesta terça-feira 2, alguns minutos depois de ter tirado fotos externas do prédio do TRF4, em Porto Alegre, o repórter fotográfico Guilherme Santos, do site Sul 21, foi abordado por quatro policiais em uma viatura e teve uma arma apontada para sua cabeça; "Sartori e o comando da Brigada Militar devem explicações pelo atentado à liberdade de imprensa em Porto Alegre!", postou Pepe Vargas no Twitter

Nesta terça-feira 2, alguns minutos depois de ter tirado fotos externas do prédio do TRF4, em Porto Alegre, o repórter fotográfico Guilherme Santos, do site Sul 21, foi abordado por quatro policiais em uma viatura e teve uma arma apontada para sua cabeça; "Sartori e o comando da Brigada Militar devem explicações pelo atentado à liberdade de imprensa em Porto Alegre!", postou Pepe Vargas no Twitter
Nesta terça-feira 2, alguns minutos depois de ter tirado fotos externas do prédio do TRF4, em Porto Alegre, o repórter fotográfico Guilherme Santos, do site Sul 21, foi abordado por quatro policiais em uma viatura e teve uma arma apontada para sua cabeça; "Sartori e o comando da Brigada Militar devem explicações pelo atentado à liberdade de imprensa em Porto Alegre!", postou Pepe Vargas no Twitter (Foto: Gisele Federicce)

Rio Grande do Sul 247 - O deputado federal Pepe Vargas (PT-RS) cobrou, pelo Twitter, explicações do governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori (MDB), e do comando da Brigada Militar sobre o enquadro tomado pelo fotojornalista Guilherme Santos, do site Sul 21.

Nesta terça-feira 2, alguns minutos depois de ter tirado fotos externas do prédio do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre, onde ocorrerá o julgamento do ex-presidente Lula em segunda instância no próximo dia 24, Guilherme foi abordado por quatro policiais em uma viatura e teve uma arma apontada para sua cabeça (leia mais aqui).

"Sartori e o comando da Brigada Militar devem explicações pelo atentado à liberdade de imprensa em Porto Alegre! O fotógrafo Guilherme Santos do @jornalSul21 teve uma pistola apontada para a cabeça por um PM enquanto fotografava o prédio do TRF4, onde Lula será julgado no dia 24", postou Pepe Vargas.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247