Pernambuco intensifica combate à aftosa

Até outubro, cerca de dois milhões de bovinos, caprinos e suínos serão imunizados contra a febre aftosa; investimento será de aproximadamente R$ 4,5 milhões

Pernambuco intensifica combate à aftosa
Pernambuco intensifica combate à aftosa (Foto: ALF RIBEIRO/Agência Estado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Raphael Coutinho _PE247 – Pernambuco deu início, nesta sexta-feira (1), a imunização de bovinos, caprinos e suínos contra a febre aftosa. A meta do Estado é vacinar, até outubro, cerca de dois milhões de animais, o que representa 90% do rebanho. O anúncio foi feito pelo ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho, e o governador Eduardo Campos. O objetivo da medida é disponibilizar a comercializada de carnes e produtos derivados do leito fora do Estado. O investimento para a ação foi de aproximadamente R$ 4,5 milhões.

“O Governo de Pernambuco está fazendo um excelente trabalho e acredito que até outubro o estado vai estar livre da aftosa, o que representa muito mais renda e empregos para as pessoas”, avaliou o ministro. Para o governador, a imunização deverá ampliar o mercado para os produtores, que hoje negociam a maior parte de seus produtos na própria cidade onde vivem.

“A nossa expectativa é aumentar em 30% a venda dos produtos da nossa agropecuária, fazendo com que os produtores possam ganhar o mercado não só da sua cidade, como acontece hoje, mas do Nordeste, do Brasil e até do exterior”, afirmou Eduardo.

O Ministério da Agricultura doou ao Estado 500 mil doses da vacina, um investimento de R$ 2,5 milhões. Outros R$ 2 milhões foram utilizados na compra de equipamentos, como veículos, condicionadores de ar e pistolas para a aplicação. Dúvidas sobre a vacinação podem ser tiradas, através de uma ligação gratuita, pelo telefone 0800.081.1020.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247