Pernambuco tem recorde de mortes por chikungunya

O estado de Pernambuco foi o que mais teve mortes causadas por chikungunya. Em 2016, em todo o Brasil, foram 159 causadas pela doença, sendo 54 só em Pernambuco; dados são do Ministério da Saúde; os outros casos aconteceram na Paraíba (32), Rio Grande do Norte (25), Ceará (21), Rio de Janeiro (9), Alagoas (6), Bahia (4), Maranhão (5), Piauí (1), Sergipe (1) e Distrito Federal (1)

Paraná promove mobilização contra o mosquito da dengue nesta quarta-feira, 09/12. Curitiba, 08/12/2015 Foto: Venilton Kuchler / ANPr
Paraná promove mobilização contra o mosquito da dengue nesta quarta-feira, 09/12. Curitiba, 08/12/2015 Foto: Venilton Kuchler / ANPr (Foto: José Barbacena)

Pernambuco 247 - O estado de Pernambuco foi o que mais teve mortes causadas por chikungunya. Em 2016, em todo o Brasil, foram 159 causadas pela doença, sendo 54 só em Pernambuco. Os dados são do Ministério da Saúde. Os outros casos aconteceram na Paraíba (32), Rio Grande do Norte (25), Ceará (21), Rio de Janeiro (9), Alagoas (6), Bahia (4), Maranhão (5), Piauí (1), Sergipe (1) e Distrito Federal (1). 

Os pacientes sofrem com o diagnóstico difícil e o longo tratamento da doença. Os hospitais recebem gente com sintomas todos os dias. Os principais são: febre alta e persistente, dor e inchaço nas articulações (mãos, punhos, joelho, pés e tornozelos) e manchas na pele (a partir do terceiro dia).

Especialistas afirmam que 40% dos pacientes desenvolvem a forma crônica da doença, com sintomas que duram mais de três meses.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247