PF age contra desvios no 'Minha Casa Minha Vida'

A Polícia Federal (PF) realiza a "Operação Tyrannos", para desarticular uma organização criminosa responsável por desvios de dinheiro no programa "Minha Casa, Minha Vida" nos estados de Minas Gerais e São Paulo; de acordo com a PF, a fraude pode chegar a R$ 56 milhões. Estão sendo cumpridos seis mandados de prisão preventiva, seis mandados de prisão temporária, 19 mandados de busca e apreensão e 11 de condução coercitiva estão sendo cumpridos, todos expedidos pela Justiça de Manhuaçu, com a participação do MPF da mesma cidade

Rio de Janeiro - Cerim�nia de entrega de um  milh�o de casas do programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), na comunidade da Mangueira, no Rio de Janeiro.
Rio de Janeiro - Cerim�nia de entrega de um milh�o de casas do programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), na comunidade da Mangueira, no Rio de Janeiro. (Foto: Leonardo Lucena)

Minas 247 - A Polícia Federal (PF) realiza, na manhã desta terça-feira (24), a "Operação Tyrannos", para desarticular uma organização criminosa responsável por desvios de dinheiro no programa "Minha Casa, Minha Vida" nos estados de Minas Gerais e São Paulo. De acordo com a PF, a fraude pode chegar a R$ 56 milhões. Estão sendo cumpridos seis mandados de prisão preventiva, seis mandados de prisão temporária, 19 mandados de busca e apreensão e 11 de condução coercitiva estão sendo cumpridos, todos expedidos pela Justiça de Manhuaçu, com a participação do Ministério Público Federal (MPF) da mesma cidade.

Cerca de 100 servidores federais cumprem mandados nas cidades mineiras de Belo Horizonte, Durandé (Zona da Mata), Governador Valadares (Leste), Martins Soares (Zona da Mata),  Manhuaçu (Zona da Mata), e em Santa Gertrudes (SP).

Os investigados responderão por peculato, estelionato, fraude processual, falso testemunho, ordenamento de despesa não autorizada, falsificação de documentos e organização criminosa, podendo alguns cumprir até 22 anos de prisão.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247