Pimenta: Major que incitou chacina em presídio não pode ficar impune

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) criticou o posicionamento do também deputado federal Major Olimpio (SD-SP) sobre as chacinas em presídios do Amazonas e de Roraima; em postagem no Facebook,  o major desafiou o presídio de Bangu (RJ) a "fazer melhor" que Manaus e Roraima; pelo Twitter, Pimenta "criminosa, incompatível com qualquer noção de ética e civilidade"

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) criticou o posicionamento do também deputado federal Major Olimpio (SD-SP) sobre as chacinas em presídios do Amazonas e de Roraima; em postagem no Facebook,  o major desafiou o presídio de Bangu (RJ) a "fazer melhor" que Manaus e Roraima; pelo Twitter, Pimenta "criminosa, incompatível com qualquer noção de ética e civilidade"
O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) criticou o posicionamento do também deputado federal Major Olimpio (SD-SP) sobre as chacinas em presídios do Amazonas e de Roraima; em postagem no Facebook,  o major desafiou o presídio de Bangu (RJ) a "fazer melhor" que Manaus e Roraima; pelo Twitter, Pimenta "criminosa, incompatível com qualquer noção de ética e civilidade" (Foto: Leonardo Lucena)

Rio Grande do Sul 247 - O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) criticou o posicionamento do também deputado federal Major Olimpio (SD-SP) sobre as chacinas em presídios do Amazonas e de Roraima, que deixaram 56 e 33 mortos, respectivamente. Neste domingo (8), mais quatro detentos foram mortos em Manaus.

No Facebook, o Major faz a seguinte postagem:

PLACAR DOS PRESÍDIOS:
Manaus 56 x 30 Roraima
Vamos lá, Bangu!
Vocês podem
fazer melhor!
#EuAcredito..

Pimenta classificou a postagem como "criminosa, incompatível com qualquer noção de ética e civilidade". "Incentivar chacinas é crime grave que não pode ficar impune", afirmou o parlamentar.

Na sexta-feira (6), o então secretário de Juventude do governo Michel Temer, Bruno Júlio, também pediu mais chacinas. Ele deixou o cargo no mesmo dia, após dizer que "tinha era que matar mais" e defender "uma chacina por semana".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247