PMDB de Gurupi defende rompimento com Laurez

O presidente do PMDB de Gurupi, Edinho Fernandes, convocou reunião da executiva do partido para sábado (3), para discutir, principalmente, o desentendimento entre o prefeito Laurez Moreira (PSB) e a deputada federal Josi Nunes (PMDB); a maioria do PMDB defende rompimento com Laurez; o prefeito deu mais secretarias ao PSD do que aos peemedebistas; a sigla pessedista é presidida no Tocantins pelo filho da senadora Kátia Abreu (PMDB), o deputado federal Irajá Abreu  

O presidente do PMDB de Gurupi, Edinho Fernandes, convocou reunião da executiva do partido para sábado (3), para discutir, principalmente, o desentendimento entre o prefeito Laurez Moreira (PSB) e a deputada federal Josi Nunes (PMDB); a maioria do PMDB defende rompimento com Laurez; o prefeito deu mais secretarias ao PSD do que aos peemedebistas; a sigla pessedista é presidida no Tocantins pelo filho da senadora Kátia Abreu (PMDB), o deputado federal Irajá Abreu
 
O presidente do PMDB de Gurupi, Edinho Fernandes, convocou reunião da executiva do partido para sábado (3), para discutir, principalmente, o desentendimento entre o prefeito Laurez Moreira (PSB) e a deputada federal Josi Nunes (PMDB); a maioria do PMDB defende rompimento com Laurez; o prefeito deu mais secretarias ao PSD do que aos peemedebistas; a sigla pessedista é presidida no Tocantins pelo filho da senadora Kátia Abreu (PMDB), o deputado federal Irajá Abreu   (Foto: Leonardo Lucena)

Tocantins 247 - O presidente do PMDB de Gurupi, Edinho Fernandes, convocou reunião da executiva do partido para sábado (3), para discutir, principalmente, o desentendimento entre o prefeito Laurez Moreira (PSB) e a deputada federal Josi Nunes (PMDB). 

As brigas começaram quando a parlamentar expôs sua insatisfação com a Prefeitura de Palmas, que teria sido gerada por não cumprimentos de compromissos de campanha. Em nota, o pessebista afirma sempre ter tido "respeito" e "gratidão" pela parlamentar, mas criticou as suas reivindicações. "Não posso permitir que interesses partidários se sobreponham aos interesses da população", disparou.

Segundo apuração do site do Cleber Toledo, a maioria do PMDB defende rompimento com Laurez. Uma das maiores indignações do partido é o fato de o prefeito ter dado mais secretarias ao grupo da senadora Kátia Abreu (PMDB) do que aos peemedebistas, aliados mais fieis do pessebista. O PSD, presidido no Tocantins pelo filho da senadora, o deputado federal Irajá Abreu, ingressou na aliança do prefeito para as últimas eleições municipais.

Fontes do PMDB em Gurupi reclamam que a slegenda tem apenas uma pasta, de Desenvolvimento Social, e o grupo de Kátia, duas — do Idoso e das Finanças. 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247