Polícia Civil nega furto a Blatter no sorteio da Copa

Boatos circulam desde segunda (9) de que o presidente da Fifa, Joseph Blatter, teve pertences furtados no Complexo Hoteleiro Costa do Sauípe, onde aconteceu o sorteio dos grupos da Copa 2014 no último dia 6; em nota, a Polícia Civil baiana afirma que Blatter sequer se hospedou em Sauípe e a informação é confirmada pela assessoria do empreendimento; de fato, dois jovens roubaram dois notebooks de uma empresa que trabalhava na organização do evento

Boatos circulam desde segunda (9) de que o presidente da Fifa, Joseph Blatter, teve pertences furtados no Complexo Hoteleiro Costa do Sauípe, onde aconteceu o sorteio dos grupos da Copa 2014 no último dia 6; em nota, a Polícia Civil baiana afirma que Blatter sequer se hospedou em Sauípe e a informação é confirmada pela assessoria do empreendimento; de fato, dois jovens roubaram dois notebooks de uma empresa que trabalhava na organização do evento
Boatos circulam desde segunda (9) de que o presidente da Fifa, Joseph Blatter, teve pertences furtados no Complexo Hoteleiro Costa do Sauípe, onde aconteceu o sorteio dos grupos da Copa 2014 no último dia 6; em nota, a Polícia Civil baiana afirma que Blatter sequer se hospedou em Sauípe e a informação é confirmada pela assessoria do empreendimento; de fato, dois jovens roubaram dois notebooks de uma empresa que trabalhava na organização do evento (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - A Polícia Civil da Bahia enviou nota à imprensa afirmando que o presidente da Fifa, Joseph Blatter, não teve nenhum bem furtado no quarto onde teria ficado hospedado no Complexo Hoteleiro Costa do Sauípe, onde aconteceu o sorteio dos grupos da Copa do Mundo 2014 no último dia (6).

Segundo a Polícia Civil, Blatter sequer se hospedou em Sauípe e a informação é confirmada também pela assessoria do empreendimento.

Ainda de acordo com a polícia, os jovens Jaenderson Pereira Rosário e Marcos Antônio Pereira, ambos de 20 anos, que são apontados como autores do furto no quarto de Blatter, foram presos na segunda (9).

Eles furtaram dois notebooks de uma empresa que prestava serviço fora do complexo de hotéis e não os pertences do presidente da Fifa.

Jaenderson e Marcos eram prestadores de serviço de uma empresa que trabalha com montagem e desmontagem de estruturas, como palanques e tendas.

Durante o serviço, uma supervisora teria notado o sumiço dos dois computadores e solicitou a revista de todos os funcionários, localizando os equipamentos na mochila dos acusados.

Os jovens foram encaminhados por policiais militares para o plantão metropolitano em Lauro de Freitas.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247