Policial sobre assalto a Maria do Rosário: é muito grave que tenham ficado feliz

Em vídeo postado nas redes sociais, um policial civil defende a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS)  pelos ataques nas redes sociais após ter sofrido um assalto; para o policial, é irônico que aqueles que acusam a deputada Maria do Rosário de "defender bandidos", aplaudam a ação de criminosos

Em vídeo postado nas redes sociais, um policial civil defende a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS)  pelos ataques nas redes sociais após ter sofrido um assalto; para o policial, é irônico que aqueles que acusam a deputada Maria do Rosário de "defender bandidos", aplaudam a ação de criminosos
Em vídeo postado nas redes sociais, um policial civil defende a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS)  pelos ataques nas redes sociais após ter sofrido um assalto; para o policial, é irônico que aqueles que acusam a deputada Maria do Rosário de "defender bandidos", aplaudam a ação de criminosos (Foto: Charles Nisz)

Rio Grande do Sul 247 - Em vídeo postado nas redes sociais, um policial civil defende a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS)  pelos ataques nas redes sociais após ter sofrido um assalto. Para o policial, é irônico que aqueles que acusam a deputada Maria do Rosário de "defender bandidos", aplaudam a ação de criminosos.

Segundo ele, chama a atenção também o fato de muitos dos críticos da deputada se digam cristãos. "Como alguém temente a Deus pode torcer para que alguém seja roubado e passe por uma situação de violência", questiona o policial.

O policial também mostra a incoerência de quem diz que "direitos humanos são apenas para bandidos". De acordo com o policial, os Direitos Humanos, em sua declaração protegem a vida, a propriedade, a liberdade e a segurança. "É curioso que as pessoas fiquem felizes, pois amanhã podem ser elas a serem assaltadas", explica o agente.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247