Praga broca-do-café deixa Minas em emergência

O Ministério da Agricultura decretou emergência fitossanitária em Minas Gerais devido ao risco iminente de surto da infestação por broca-do-café, um inseto que ataca plantações de café; no decreto, publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial da União, o ministério justifica a emergência devido à gravidade do problema, já que a praga tem "ciclo curto e grande capacidade de proliferação"

O Ministério da Agricultura decretou emergência fitossanitária em Minas Gerais devido ao risco iminente de surto da infestação por broca-do-café, um inseto que ataca plantações de café; no decreto, publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial da União, o ministério justifica a emergência devido à gravidade do problema, já que a praga tem "ciclo curto e grande capacidade de proliferação"
O Ministério da Agricultura decretou emergência fitossanitária em Minas Gerais devido ao risco iminente de surto da infestação por broca-do-café, um inseto que ataca plantações de café; no decreto, publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial da União, o ministério justifica a emergência devido à gravidade do problema, já que a praga tem "ciclo curto e grande capacidade de proliferação" (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SÃO PAULO, 13 Mar (Reuters) - O Ministério da Agricultura decretou emergência fitossanitária em Minas Gerais devido ao risco iminente de surto da infestação por broca-do-café, um inseto que ataca plantações de café.

No decreto, publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial da União, o ministério justifica a emergência devido à gravidade do problema, já que a praga tem "ciclo curto e grande capacidade de proliferação".

A publicação permite a adoção de medidas emergenciais pelo prazo de um ano.

O ministério também cita a "baixa capacidade de resposta disponível pela ausência de alternativas eficientes para seu manejo", acrescentando que grandes perdas na produtividade e qualidade de café podem ter efeitos sobre a economia agropecuária.

Segundo a Embrapa, a broca se alimenta exclusivamente de frutos de café e cria canais que causam o apodrecimento dos grãos e trazem prejuízos ao produtor.

Minas Gerais é o principal Estado produtor de café, produto em que o Brasil lidera a produção e as exportações globais.

(Por Gustavo Bonato)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email