Prefeito apoia manifesto por Louos e PDDU

"As manifestações da sociedade são importantes. Vales destacar que, desde o início desta gestão, a Prefeitura tem se empenhado na busca da superação desse impasse jurídico. Foi uma questão que vem da gestão passada e esperamos uma deliberação no mais curto espaço de tempo possível"; prefeito disse nesta segunda-feira que apoia o 'Manifesto pelo Desenvolvimento Sustentável de Salvador', criado por entidades do setor de economia para cobrar solução para o impasse jurídico que trava a validação da Lei de Ordenamento do Uso e Ocupação do Solo (Louos) e do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU)

"As manifestações da sociedade são importantes. Vales destacar que, desde o início desta gestão, a Prefeitura tem se empenhado na busca da superação desse impasse jurídico. Foi uma questão que vem da gestão passada e esperamos uma deliberação no mais curto espaço de tempo possível"; prefeito disse nesta segunda-feira que apoia o 'Manifesto pelo Desenvolvimento Sustentável de Salvador', criado por entidades do setor de economia para cobrar solução para o impasse jurídico que trava a validação da Lei de Ordenamento do Uso e Ocupação do Solo (Louos) e do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU)
"As manifestações da sociedade são importantes. Vales destacar que, desde o início desta gestão, a Prefeitura tem se empenhado na busca da superação desse impasse jurídico. Foi uma questão que vem da gestão passada e esperamos uma deliberação no mais curto espaço de tempo possível"; prefeito disse nesta segunda-feira que apoia o 'Manifesto pelo Desenvolvimento Sustentável de Salvador', criado por entidades do setor de economia para cobrar solução para o impasse jurídico que trava a validação da Lei de Ordenamento do Uso e Ocupação do Solo (Louos) e do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247

O prefeito ACM Neto (DEM) disse nesta segunda-feira que apoia o 'Manifesto pelo Desenvolvimento Sustentável de Salvador', divulgado por entidades representativas de setores da economia. No manifesto, as entidades cobram solução para o impasse jurídico que trava a validação da Lei de Ordenamento do Uso e Ocupação do Solo (Louos) e do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU).

"As manifestações da sociedade são importantes. Vales destacar que, desde o início desta gestão, a Prefeitura tem se empenhado na busca da superação desse impasse jurídico. Foi uma questão que vem da gestão passada e esperamos uma deliberação no mais curto espaço de tempo possível", afirmou ACM Neto.

O prefeito ressalta que tem mantido diálogos constantes com o Ministério Público e com o Tribunal de Justiça com objetivo de resolver a questão da judicialização das leis que "são instrumentos importantes para a retomada do crescimento econômico de Salvador e a consequente geração de emprego e renda".

"Tenho certeza absoluta que a segurança jurídica em Salvador será restabelecida rapidamente e, com isso, vamos intensificar os projetos estruturantes que são fundamentais para o desenvolvimento de Salvador", diz ACM.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email