Prefeitura diz que gastou R$ 370 mil com publicidade

Após críticas de vereadores, secretário de Comunicação da prefeitura de Goiânia garante que a gestão de Iris Rezende gastou só R$ 370 mil com propaganda do pagamento do IPTU; "Circula por aí, principalmente na internet, que a inserção na TV em horário nobre custa R$ 350 mil, quando na verdade o valor cobrado fica, em média, entre R$ 10 e R$ 15 mil. Foram investidos R$ 370 mil durante 15 dias. Nada mais"; na semana passada, o vereador Jorge Kajuru (PRP) afirmou que a prefeitura já havia gastado R$ 4,6 milhões com publicidade em menos de dois meses

Após críticas de vereadores, secretário de Comunicação da prefeitura de Goiânia garante que a gestão de Iris Rezende gastou só R$ 370 mil com propaganda do pagamento do IPTU; "Circula por aí, principalmente na internet, que a inserção na TV em horário nobre custa R$ 350 mil, quando na verdade o valor cobrado fica, em média, entre R$ 10 e R$ 15 mil. Foram investidos R$ 370 mil durante 15 dias. Nada mais"; na semana passada, o vereador Jorge Kajuru (PRP) afirmou que a prefeitura já havia gastado R$ 4,6 milhões com publicidade em menos de dois meses
Após críticas de vereadores, secretário de Comunicação da prefeitura de Goiânia garante que a gestão de Iris Rezende gastou só R$ 370 mil com propaganda do pagamento do IPTU; "Circula por aí, principalmente na internet, que a inserção na TV em horário nobre custa R$ 350 mil, quando na verdade o valor cobrado fica, em média, entre R$ 10 e R$ 15 mil. Foram investidos R$ 370 mil durante 15 dias. Nada mais"; na semana passada, o vereador Jorge Kajuru (PRP) afirmou que a prefeitura já havia gastado R$ 4,6 milhões com publicidade em menos de dois meses (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Vereadores criticaram os gastos da prefeitura de Goiânia com publicidade logo nos dois primeiros meses da gestão de Iris Rezende (PMDB). A campanha principal foi para convocar a população a pagar o IPTU, que venceu nesta segunda-feira. O vereador Jorge Kajuru (PRP) afirmou na semana passada, em plenário, que os gastos da prefeitura com publicidade eram da ordem de R$ 4,6 milhões em menos de dois meses.

Em entrevista ao jornal A Redação, o secretário de Comunicação, Luiz Felipe Gabriel Gomes, afirmou que o valor é bem menor. "Essa informação está longe de ser verdade. Circula por aí, principalmente na internet, que a inserção na TV em horário nobre custa R$ 350 mil, quando na verdade o valor cobrado fica, em média, entre R$ 10 e R$ 15 mil". O auxiliar do prefeito Iris Rezende revelou que o investimento total da campanha foi de R$ 370 mil. "Nada mais que isso", garante.

"Foram investidos R$ 370 mil durante 15 dias, considerando que a campanha foi encerrada hoje (20). Nossa expectativa é que essas divulgações focadas no pagamento do IPTU resultem no incremento de, pelo menos, R$ 35 milhões na receita", cita o secretário ao mencionar com otimismo a queda na inadimplência.

"Convivemos hoje com uma usina de notícias falsas que fazem com que as pessoas que usam as redes sociais sejam induzidas ao erro. As pessoas precisam questionar a coerência e a veracidade daquilo que estão lendo na internet. É necessário ter um senso crítico mínimo. Essas notícias informando esses valores elevados [referentes à campanha do IPTU] são mentirosas e, no mínimo, maldosas", completa.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247