Procon-SP notifica Palmeiras sobre venda de ingressos

Clube terá de apresentar documentos que comprovem a comercialização de ingressos para todos os torcedores, e não apenas aos membros do programa de sócio torcedor, prática considerada abusiva pelo órgão; vendas se referem aos dois jogos da final da Copa do Brasil

Procon-SP notifica Palmeiras sobre venda de ingressos
Procon-SP notifica Palmeiras sobre venda de ingressos (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Procon-SP - A Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, notificou nesta quarta-feira 11 a Sociedade Esportiva Palmeiras a prestar esclarecimentos sobre a venda de ingressos para os dois jogos da fase final da Copa do Brasil.

O clube deverá apresentar documentos que comprovem a comercialização de ingressos para os torcedores, no geral, e não apenas aos participantes do programa de sócio torcedor, prática considerada abusiva pelo Procon-SP. A quota de entradas (para os dois jogos); endereços dos postos de venda (físicos e internet); o período de comercialização e as informações dos valores cobrados por setor também deverão ser esclarecidos pelo Palmeiras.

O prazo para atender a notificação é de 48 horas. Caso seja constatada alguma irregularidade, o clube responderá a um processo administrativo, que poderá resultar em multa, que varia entre R$ 400,00 R$ 6 milhões, aproximadamente.

"De acordo com o Estatuto do Torcedor, quem vai a um estádio assistir a um jogo também é um consumidor e os clubes e Federações são as empresas, que devem prestar um serviço de qualidade e dar plenas condições para que o público adquira os ingressos com informações claras e precisas", analisa o diretor executivo do Procon-SP, Paulo Arthur Góes.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247