Protesto do MLST bloqueia BR em Alagoas

Manifestação de integrantes do Movimento de Libertação dos Sem Terra (MLST) interditou um trecho da BR-104, no município de Murici, na Zona da Mata alagoana; eles pedem a desapropriação das terras da Usina São Simeão; além da Polícia Rodoviária Federal(PRF), equipes da Polícia Militar estão no local para negociar a liberação da rodovia

Manifestação de integrantes do Movimento de Libertação dos Sem Terra (MLST) interditou um trecho da BR-104, no município de Murici, na Zona da Mata alagoana; eles pedem a desapropriação das terras da Usina São Simeão; além da Polícia Rodoviária Federal(PRF), equipes da Polícia Militar estão no local para negociar a liberação da rodovia
Manifestação de integrantes do Movimento de Libertação dos Sem Terra (MLST) interditou um trecho da BR-104, no município de Murici, na Zona da Mata alagoana; eles pedem a desapropriação das terras da Usina São Simeão; além da Polícia Rodoviária Federal(PRF), equipes da Polícia Militar estão no local para negociar a liberação da rodovia (Foto: Voney Malta)

Por cada Minuto - Um protesto do Movimento de Libertação dos Sem Terra (MLST) na manhã desta sexta-feira (23), interditou um trecho da BR-104, na altura do km 60, no município de Murici, na Zona da Mata alagoana. Informações preliminares apontam que manifestantes pedem a desapropriação das terras da Usina São Simeão.

De acordo com a assessoria de Comunicação da Polícia Rodoviária Federal (PRF), ambos os sentidos da rodovia foram interditados e não há nenhuma previsão de liberação.

Os manifestantes iniciaram o protesto às 8h e colocaram fogo em madeira, pneus e palhas para impedir o tráfego.

Além da PRF, equipes da Polícia Militar estão no local para negociar a liberação das vias. O trânsito está congestionado na região e já alcança três quilômetros de extensão.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247