PSB diz ter “plena confiança” na conduta de Campos

Em nota, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, afirmou nesta terça-feira, que tem "plena confiança na conduta" do ex-governador de Pernambuco e ex-presidente do partido, Eduardo Campos; "O Partido apoia a apuração das investigações e reafirma a certeza de que, ao final, não restarão quaisquer dúvidas de que a campanha de Eduardo Campos não cometeu nenhum ato ilícito", diz Siqueira; segundo a operação Turbulência, da Polícia Federal, um grupo criminoso teria financiado a campanha à reeleição de Eduardo Campos no governo de Pernambuco

Em nota, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, afirmou nesta terça-feira, que tem "plena confiança na conduta" do ex-governador de Pernambuco e ex-presidente do partido, Eduardo Campos; "O Partido apoia a apuração das investigações e reafirma a certeza de que, ao final, não restarão quaisquer dúvidas de que a campanha de Eduardo Campos não cometeu nenhum ato ilícito", diz Siqueira; segundo a operação Turbulência, da Polícia Federal, um grupo criminoso teria financiado a campanha à reeleição de Eduardo Campos no governo de Pernambuco
Em nota, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, afirmou nesta terça-feira, que tem "plena confiança na conduta" do ex-governador de Pernambuco e ex-presidente do partido, Eduardo Campos; "O Partido apoia a apuração das investigações e reafirma a certeza de que, ao final, não restarão quaisquer dúvidas de que a campanha de Eduardo Campos não cometeu nenhum ato ilícito", diz Siqueira; segundo a operação Turbulência, da Polícia Federal, um grupo criminoso teria financiado a campanha à reeleição de Eduardo Campos no governo de Pernambuco (Foto: Aquiles Lins)

Pernambuco 247 - O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, afirmou nesta terça-feira, que tem "plena confiança na conduta" do ex-governador de Pernambuco e ex-presidente do partido, Eduardo Campos.

"O Partido apoia a apuração das investigações e reafirma a certeza de que, ao final, não restarão quaisquer dúvidas de que a campanha de Eduardo Campos não cometeu nenhum ato ilícito", diz Siqueira, por meio de nota. 

Segundo a operação Turbulência, deflagrada nesta terça-feira pela Polícia Federal, um grupo criminoso teria financiado a campanha à reeleição de Eduardo Campos no governo de Pernambuco, por meio de desvio de dinheiro de obras da transposição do Rio São Francisco e da Petrobras (leia mais).

Leia na íntegra:

"Nota oficial do PSB sobre a Operação Turbulência

A direção nacional do Partido Socialista Brasileiro – PSB, em face da Operação Turbulência, da Polícia Federal, noticiada hoje (21) pela imprensa, informa à sociedade brasileira ter plena confiança na conduta do nosso querido e saudoso Eduardo Campos, ex-presidente e ex-governador de Pernambuco.

O Partido apoia a apuração das investigações e reafirma a certeza de que, ao final, não restarão quaisquer dúvidas de que a campanha de Eduardo Campos não cometeu nenhum ato ilícito.

Carlos Siqueira
Presidente Nacional do Partido Socialista Brasileiro"

 

 

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247