PSDB decide manter Tasso Jereissati na presidência do partido

O PSDB decidiu pela manutenção do senador cearense Tasso Jereissati no comando interino do partido. O anúncio foi feito nesta quinta (3), pelo senador Aécio Neves (MG), licenciado do cargo de presidente nacional do partido desde que foi citado nas delações da JBS. Após reunião com a cúpula tucana, Jereissati afirmou que o PSDB continuará apoiando as reformas defendidas pelo governo Michel Temer e que “não faz questão” de cargos. “O partido não faz questão desses ministérios, e isso em nada muda nossa posição quanto à votação dos projetos necessários ao País”

O PSDB decidiu pela manutenção do senador cearense Tasso Jereissati no comando interino do partido. O anúncio foi feito nesta quinta (3), pelo senador Aécio Neves (MG), licenciado do cargo de presidente nacional do partido desde que foi citado nas delações da JBS. Após reunião com a cúpula tucana, Jereissati afirmou que o PSDB continuará apoiando as reformas defendidas pelo governo Michel Temer e que “não faz questão” de cargos. “O partido não faz questão desses ministérios, e isso em nada muda nossa posição quanto à votação dos projetos necessários ao País”
O PSDB decidiu pela manutenção do senador cearense Tasso Jereissati no comando interino do partido. O anúncio foi feito nesta quinta (3), pelo senador Aécio Neves (MG), licenciado do cargo de presidente nacional do partido desde que foi citado nas delações da JBS. Após reunião com a cúpula tucana, Jereissati afirmou que o PSDB continuará apoiando as reformas defendidas pelo governo Michel Temer e que “não faz questão” de cargos. “O partido não faz questão desses ministérios, e isso em nada muda nossa posição quanto à votação dos projetos necessários ao País” (Foto: Rodrigo Rocha)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará 247 - O senador Tasso Jereissati (CE) continuará no comando do PSDB. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (3), pelo senador Aécio Neves (MG), licenciado do cargo de presidente nacional do partido desde que foi citado nas delações da JBS. “O senador Tasso Jereissati é hoje que tem as melhores condições para conduzir a renovação do PSDB”, disse Aécio. 

Após a reunião que decidiu pela sua manutenção no cargo, Tasso afirmou que o partido continuará apoiando as reformas defendidas pelo governo Michel Temer, e que “não faz questão” de cargos. “Quem manda nisso é o presidente da República. Se ele quiser tirar todos os nossos ministros, é problema dele. O partido não faz questão desses ministérios, e isso em nada muda nossa posição quanto à votação dos projetos necessários ao País”, disse, reforçando que o partido continuará apoiando propostas como a da reforma da Previdência. 

O PSDB deve antecipar as convenções municipais e estaduais para discutir a renovação do programa partidário e, até o fim deste ano, decidir sua nova direção e seu candidato à presidência da República em 2018.

(Com informações do UOL) 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247