PSDB e PSB querem apoiar Amélia contra Tarso Genro

Tucanos e socialistas já plenejam apoiar a senadora para evitar que o PP faça uma coligação com o PT na eleição presidencial, relata o colunista Ilimar Franco, em O Globo; "objetivo de Aécio Neves e Eduardo Campos é o de ter direito de usar o palanque eletrônico do PP nos estados", diz a coluna

Senadora Ana Amélia (PP-RS) questiona possível acordo entre o Mercosul e a União Européia, especialmente agora, em que o bloco europeu acionou a Organização Mundial do Comércio contra as medidas do governo brasileiro para estimular a indústria de automóve
Senadora Ana Amélia (PP-RS) questiona possível acordo entre o Mercosul e a União Européia, especialmente agora, em que o bloco europeu acionou a Organização Mundial do Comércio contra as medidas do governo brasileiro para estimular a indústria de automóve (Foto: José Barbacena)

247 - PSDB e PSB estão de olho na senadora Ana Amélia (PP). Pensando num palanque no Rio Grande do Sul, tucanos e socialistas planejam apoiar uma candidatura ao governo de Amélia para enfrentar o petista Tarso Genro.

A articulação é relatada na coluna de Ilimar Franco, em O Globo.

Veja:

Uma mão lava a outra - ILIMAR FRANCO

Para evitar que o PP faça uma coligação com o PT na eleição presidencial, tucanos e socialistas acenam com o apoio à senadora Ana Amélia para o governo gaúcho. Alegam que a neutralidade viabilizaria um reforço político para enfrentar o governador petista Tarso Genro. O objetivo de Aécio Neves e Eduardo Campos é o de ter direito de usar o palanque eletrônico do PP nos estados.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247