PSDB insiste em ignorar Delegado Waldir

Tendência é que candidato do PSDB para prefeito de Goiânia fique entre o presidente da Agetop, Jayme Rincón, e o deputado Giuseppe Vecci; são estes os sinais que o partido tucano tem dado ao longo deste segundo semestre; parlamentar mais votado da história de Goiás, Waldir já entendeu o recado tucano e não descarta deixar o partido para concorrer em Goiânia; "Eu tenho um sonho de ser prefeito", já declarou; Instituto Paraná aponta Waldir em terceiro lugar com 15,3% das intenções de voto; Iris Rezende (PMDB) lidera com 37,9% das intenções de voto e o empresário Vanderlan Cardoso (PSB) obteve 18,6%

Tendência é que candidato do PSDB para prefeito de Goiânia fique entre o presidente da Agetop, Jayme Rincón, e o deputado Giuseppe Vecci; são estes os sinais que o partido tucano tem dado ao longo deste segundo semestre; parlamentar mais votado da história de Goiás, Waldir já entendeu o recado tucano e não descarta deixar o partido para concorrer em Goiânia; "Eu tenho um sonho de ser prefeito", já declarou; Instituto Paraná aponta Waldir em terceiro lugar com 15,3% das intenções de voto; Iris Rezende (PMDB) lidera com 37,9% das intenções de voto e o empresário Vanderlan Cardoso (PSB) obteve 18,6%
Tendência é que candidato do PSDB para prefeito de Goiânia fique entre o presidente da Agetop, Jayme Rincón, e o deputado Giuseppe Vecci; são estes os sinais que o partido tucano tem dado ao longo deste segundo semestre; parlamentar mais votado da história de Goiás, Waldir já entendeu o recado tucano e não descarta deixar o partido para concorrer em Goiânia; "Eu tenho um sonho de ser prefeito", já declarou; Instituto Paraná aponta Waldir em terceiro lugar com 15,3% das intenções de voto; Iris Rezende (PMDB) lidera com 37,9% das intenções de voto e o empresário Vanderlan Cardoso (PSB) obteve 18,6% (Foto: Realle Palazzo-Martini)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - O PSDB não deve mesmo apoiar o deputado federal Waldir Soares, o Delegado Waldir. A tendência é que o candidato para prefeito de Goiânia fique na disputa entre o presidente da Agetop, Jayme Rincón, e o deputado Giuseppe Vecci. São estes sinais que o partido tucano tem dado ao longo deste segundo semestre.

O parlamentar mais votado da história de Goiás já entendeu o recado tucano. Por isso, não descarta deixar o partido para concorrer em Goiânia. “Eu tenho um sonho. Ser prefeito de Goiânia”, já ressaltou. O pré-candidato, inclusive, já conversou com o governador Marconi Perillo sobre seu desejo de ser prefeito.

O que respalda Waldir é que na última pesquisa do Instituto Paraná, divulgada pelo Goiás 247, Waldir apareceu em terceiro lugar com 15,3% das intenções de voto. Iris Rezende (PMDB) lidera com 37,9% das intenções de voto e o empresário Vanderlan Cardoso (PSB) obteve 18,6%. Ele é o candidato da situação com mais aceitação.

O presidente do PSDB em Goiânia, Rafael Lousa, defende as prévias para a escolha do candidato. Também já declarou este processo não irá gerar desgastes internos. No entanto, Rincón e Vecci, os maiores interessados na disputa já fizeram um levante e se declararam contra as prévias. Mais um sinal que o PSDB patina até na hora de confirmar um candidato próprio.

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247