PT de Salvador aponta 'incoerências' de ACM

A presidente do PT em Salvador, Marta Rodrigues, diz que o prefeito ACM Neto iniciou o ano "mostrando claramente suas incoerências e a inversão de prioridades de sua gestão"; a líder petista ratifica posição do governador Rui Costa sobre ampliação dos dias de carnaval neste ano; "O prefeito quer ampliar as despesas com o Carnaval em um momento delicado da economia. Ele mesmo anunciou na mídia que fará contingenciamentos, mas está querendo mais investimentos em folia. Não bastasse, parece não pensar na logística das polícias Militar e Civil para atender todo o Estado", diz Marta

A presidente do PT em Salvador, Marta Rodrigues, diz que o prefeito ACM Neto iniciou o ano "mostrando claramente suas incoerências e a inversão de prioridades de sua gestão"; a líder petista ratifica posição do governador Rui Costa sobre ampliação dos dias de carnaval neste ano; "O prefeito quer ampliar as despesas com o Carnaval em um momento delicado da economia. Ele mesmo anunciou na mídia que fará contingenciamentos, mas está querendo mais investimentos em folia. Não bastasse, parece não pensar na logística das polícias Militar e Civil para atender todo o Estado", diz Marta
A presidente do PT em Salvador, Marta Rodrigues, diz que o prefeito ACM Neto iniciou o ano "mostrando claramente suas incoerências e a inversão de prioridades de sua gestão"; a líder petista ratifica posição do governador Rui Costa sobre ampliação dos dias de carnaval neste ano; "O prefeito quer ampliar as despesas com o Carnaval em um momento delicado da economia. Ele mesmo anunciou na mídia que fará contingenciamentos, mas está querendo mais investimentos em folia. Não bastasse, parece não pensar na logística das polícias Militar e Civil para atender todo o Estado", diz Marta (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - A presidente do PT em Salvador, Marta Rodrigues, disse na quarta-feira (6) que o prefeito ACM Neto (DEM) iniciou o ano "mostrando claramente suas incoerências e a inversão de prioridades de sua gestão". A líder petista ratifica posição do governador Rui Costa sobre ampliação dos dias de carnaval neste ano.

"O prefeito quer ampliar as despesas com o Carnaval em um momento delicado da economia. Ele mesmo anunciou na mídia que fará contingenciamentos, mas está querendo mais investimentos em folia. Não bastasse, parece não pensar na logística das polícias Militar e Civil para atender todo o Estado. O governador tem que pensar de forma descentralizada e não privilegiar localidades", diz Marta Rodrigues.

Ela observa que o Carnaval de Salvador é um grande produto turístico do Estado, mas pondera que há municípios como Itacaré, Ilhéus, Morro de São Paulo, Porto Seguro e Prado que embora não promovam grandes festas carnavalescas, recebem também um grande fluxo turístico no período.

"Então é preciso assegurar aos moradores e visitantes dessas localidades o suporte necessário. Além disso, é preciso atender também as outras localidades do estado que não são turísticas e não apenas no que se refere à segurança em eventos populares. Como disse o governador Rui Costa é preciso pensar na festa da saúde, na festa da educação, na festa das encostas, das estradas e de toda a infraestrutura necessária à promoção da melhor qualidade de vida à população", diz a presidente do PT em Salvador.

Marta Rodrigues enfatiza que ACM "não foge ao modo arcaico de gestão do seu partido e dos seus antecessores, promovendo pão e circo para a população e esquecendo as prioridades dos cidadãos".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247