PT decide apoiar André Figueiredo para presidência da Câmara

A bancada do PT na Câmara decidiu nesta terça-feira, 31, que não terá candidatura própria para presidente da Casa e decidiu apoiar o deputado André Figueiredo (PDT-CE); uma parte do partido estava propensa a apoiar a candidatura à reeleição de presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ). Entretanto, após uma série de protestos de filiados e líderes da esquerda, o partido decidiu que não apoiaria candidato que participou do golpe parlamentar de 2016, que retirou a presidente Dilma Rousseff do cargo  

A bancada do PT na Câmara decidiu nesta terça-feira, 31, que não terá candidatura própria para presidente da Casa e decidiu apoiar o deputado André Figueiredo (PDT-CE); uma parte do partido estava propensa a apoiar a candidatura à reeleição de presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ). Entretanto, após uma série de protestos de filiados e líderes da esquerda, o partido decidiu que não apoiaria candidato que participou do golpe parlamentar de 2016, que retirou a presidente Dilma Rousseff do cargo
 
A bancada do PT na Câmara decidiu nesta terça-feira, 31, que não terá candidatura própria para presidente da Casa e decidiu apoiar o deputado André Figueiredo (PDT-CE); uma parte do partido estava propensa a apoiar a candidatura à reeleição de presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ). Entretanto, após uma série de protestos de filiados e líderes da esquerda, o partido decidiu que não apoiaria candidato que participou do golpe parlamentar de 2016, que retirou a presidente Dilma Rousseff do cargo   (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A bancada do PT na Câmara decidiu nesta terça-feira, 31, que não terá candidatura própria para presidente da Casa e decidiu apoiar o deputado André Figueiredo (PDT-CE).

Uma parte do partido estava propensa a apoiar a candidatura à reeleição de presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ). Entretanto, após uma série de protestos de filiados e líderes da esquerda, o partido decidiu que não apoiaria candidato que participou do golpe parlamentar de 2016, que retirou a presidente Dilma Rousseff do cargo. 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email