Racismo: professor de medicina realiza ‘blackface’ em aula virtual e pode ser afastado

O professor Ronald Pallotta, da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSC), usou uma máscara preta durante uma aula online. A "blackface" foi considerada racista pelos alunos que divulgaram o vídeo

(Foto: Reprodução / UOL)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O professor Ronald Pallotta, da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSC), usou uma máscara preta durante uma aula online. A "blackface" foi considerada racista pelos alunos que divulgaram o vídeo.

Nas imagens, Pallotta aparece falando frases como "eu não como essas comidas de fraco daqui do SUS" e "eu como comida de macho, você está entendendo?".

"A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo repudia veementemente qualquer ação de cunho racista ou preconceituoso. Ciente do vídeo mencionado, a instituição determinou a abertura de uma sindicância interna para apuração dos fatos que pode resultar no afastamento do médico envolvido", diz o comunicado da FCMSC ao UOL.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247