Renan assina convênios para construção de aeroportos

O governador Renan Filho (PMDB) assinou convênios para a construção dos aeroportos de Arapiraca, no Agreste, e de Maragogi, no Litoral Norte, além da reconstrução do aeródromo; documentos seguem gora para a assinatura do ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil; Maurício Quintella

O governador Renan Filho (PMDB) assinou convênios para a construção dos aeroportos de Arapiraca, no Agreste, e de Maragogi, no Litoral Norte, além da reconstrução do aeródromo; documentos seguem gora para a assinatura do ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil; Maurício Quintella
O governador Renan Filho (PMDB) assinou convênios para a construção dos aeroportos de Arapiraca, no Agreste, e de Maragogi, no Litoral Norte, além da reconstrução do aeródromo; documentos seguem gora para a assinatura do ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil; Maurício Quintella (Foto: Voney Malta)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por cadaminuto.com.br - Os convênios para a construção dos aeroportos de Arapiraca e Moragogi e de reconstrução do aeródromo foram assinados, nesta terça-feira (15), pelo governador Renan Filho.

“Eu espero, nos próximos meses, tirar do papel essas obras que são sonhos do povo alagoano. Vamos: eu, o ministro Maurício Quintella, a nossa bancada federal, o senador Renan Calheiros lutar muito para que isso aqui, verdadeiramente, aconteça”, afirmou o governador.

Os documentos seguem para a assinatura do ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella. A partir daí, será dada a entrada dos convênios junto à Secretaria de Aviação Civil (SAC), que autorizará a abertura dos processos licitatórios destinados à execução das obras.

 “Quando houver a aprovação [da SAC], já vamos ter autorização para licitar os aeroportos de Arapiraca e de Maragogi. Penedo já está com essa autorização seguindo”, acrescentou Renan Filho.

Com assessoria

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email