Repatriados e militares embarcam para seus Estados após 14 dias de quarentena em Anápolis

O grupo de 58 brasileiros repatriados da China que estavam há 14 dias em quarentena na base aérea de Anápolis (GO) foram liberados, depois da terceira testagem para coronavírus ter resultados negativos

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247, com Reuters - Os 34 repatriados e 24 servidores militares e civis que participaram da Operação Regresso à Pátria Amada Brasil embarcaram nas aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) que irão levá-los aos seus Estados de origem. Eles ficaram 14 dias de quarentena na Base Aérea de Anápolis (GO), depois se serem resgatados em Wuhan, na China, epicentro dos casos de coironavírus. 

A previsão era de que os repatriados e a equipe de apoio ficasse em quarentena por 18 dias. No entanto, o Ministério da Saúde considerou que era possível a liberação depois do terceiro exame negativo, já que o protocolo internacional de quarentena para doenças virais é de 14 dias.

O Brasil não tem nenhum registro de casos de coronavírus até agora e apenas uma suspeita, no Rio de Janeiro, está sendo investigada. Outros 51 casos foram investigados e descartados.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247