Rui Costa anuncia 13 dos seus 24 secretários

"Busquei um misto de pessoas novas, com pessoas que já estavam conduzindo o governo até aqui. Avisei a eles que, primeiro, vamos trabalhar em equipe, não com talentos individuais. Segundo, vamos motivar as pessoas nas secretarias, tirar da zona de conforto e apresentar novos desafios. E para cada um deles, eu vou colocar metas e objetivos específicos", disse o governador eleito, Rui Costa; os outros 11 secretários serão anunciados na quinta-feira (16); veja as secretarias que já têm seus titulares escolhidos

"Busquei um misto de pessoas novas, com pessoas que já estavam conduzindo o governo até aqui. Avisei a eles que, primeiro, vamos trabalhar em equipe, não com talentos individuais. Segundo, vamos motivar as pessoas nas secretarias, tirar da zona de conforto e apresentar novos desafios. E para cada um deles, eu vou colocar metas e objetivos específicos", disse o governador eleito, Rui Costa; os outros 11 secretários serão anunciados na quinta-feira (16); veja as secretarias que já têm seus titulares escolhidos
"Busquei um misto de pessoas novas, com pessoas que já estavam conduzindo o governo até aqui. Avisei a eles que, primeiro, vamos trabalhar em equipe, não com talentos individuais. Segundo, vamos motivar as pessoas nas secretarias, tirar da zona de conforto e apresentar novos desafios. E para cada um deles, eu vou colocar metas e objetivos específicos", disse o governador eleito, Rui Costa; os outros 11 secretários serão anunciados na quinta-feira (16); veja as secretarias que já têm seus titulares escolhidos (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - O governador eleito da Bahia, Rui Costa, anunciou nesta terça- feira (16) os primeiros nomes do seu secretariado. Aliando experiência técnica com capacidade política, ele escolheu os dirigentes que vão comandar 13 secretarias e a Procuradoria Geral do Estado. Divulgação aconteceu em entrevista coletiva no Salão de Atos da Governadoria, em Salvador.

"Busquei um misto de pessoas novas, com pessoas que já estavam conduzindo o governo até aqui. Avisei a eles que, primeiro, vamos trabalhar em equipe, não com talentos individuais. Segundo, vamos motivar as pessoas nas secretarias, tirar da zona de conforto e apresentar novos desafios. E para cada um deles, eu vou colocar metas e objetivos específicos", disse Rui.

O anúncio dos outros 11 secretários, além de nomes de dirigentes de órgãos do segundo escalão, deve ser feito na quinta feira (18). Rui também informou que trocará o comando das Policias Civil e Militar, que estão a cargo de Hélio Paixão e Alfredo Castro, respectivamente. Os novos nomes serão anunciados até 31 de dezembro.

O vice-governador eleito, João Leão, terá também a missão de cuidar dos recursos e dos investimentos para a Bahia à frente da Secretaria de Planejamento (Seplan), cujo chefe atual é José Sérgio Gabrielli, que não continuará no governo.

Assumirá a Secretaria da Saúde o gestor e médico Fábio Vilas-Boas. A comunicação ficará sob comando do jornalista André Curvello, que comandou a equipe de jornalismo na campanha de Rui Costa.

O sociólogo Geraldo Reis assumirá a pasta de Direitos Humanos e Desenvolvimento Social. A pasta de Trabalho e Emprego será comandada pelo atual deputado estadual Álvaro Gomes.

Infraestrutura Hídrica terá como secretário Cássio Peixoto. O deputado federal Josias Gomes cuidará das Relações Institucionais. E o próximo Procurador Geral do Estado será o servidor Paulo Moreno.

Seis atuais secretários permanecem no comando de suas pastas. São eles: Manoel Vitório, na Fazenda; Maurício Barbosa, na Segurança Pública; Marcus Cavalcante, na Infraestrutura, Eugênio Spengler, no Meio Ambiente; Osvaldo Barreto, na Educação e Nestor Duarte, na Administração Penitenciária.

Abaixo mini currículo dos secretários anunciados.

João Leão – secretário de Planejamento

Empresário do ramo da construção civil, entrou na política na década de 1980. Assumiu a prefeitura de Lauro de Freitas em 1989. Posteriormente, foi eleito por cinco mandatos consecutivos como deputado federal da Bahia, entre as eleições de 1994 a 2010. Em 2009, foi nomeado secretário de Infraestrutura do Estado da Bahia. No ano de 2011, esteve à frente da Secretária da Casa Civil da Prefeitura de Salvador. Foi eleito vice-governador da do Estado Bahia na chapa de Rui Costa no pleito deste ano.

André Curvello - secretário de Comunicação

Jornalista formado pela Universidade Federal da Bahia (UFBa), atuou por dois anos e meio como Secretário de Comunicação Social do Município de Salvador, trabalhou como produtor, repórter e editor em rádio, jornal e televisão. Foi redator publicitário, Chefe da Sucursal do jornal A Tarde e Secretário de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, segunda maior cidade da Bahia. Atuou como Editor Especial do Jornal A Tarde e tem larga experiência em coberturas jornalísticas internacionais. Coordenou diversas campanhas eleitorais majoritárias e outras na área Política.

Manoel Vitório – secretário da Fazenda

Economista, mestre em Análise Regional, especialista em Organização de Sistemas e Métodos e servidor público federal de carreira, desde 1994, Manoel Vitório já exerceu diversas funções de chefia, coordenação e direção superior. No Judiciário Estadual, foi Diretor-Superintendente do Instituto Pedro Ribeiro de Administração Judiciária (Ipraj). Atuou também como assessor chefe de Planejamento do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). No Judiciário Federal, foi Secretário de Administração do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE). De 2007 a 2013, foi secretário da Administração do Estado, assumindo, a partir de agosto de 2013, o cargo de secretário da Fazenda do Estado. Exerce, ainda, a presidência do Conselho de Administração da Desenbahia.

Fábio Vilas-Boas – secretário da Saúde

Formado em Medicina pela Universidade Federal da Bahia (1990), fez residência e Doutorado em Cardiologia pelo InCor e pela Faculdade de Medicina da USP, além de Fellow do American College of Cardiology. Autor de diversos livros e artigos científicos publicados em revistas nacionais e internacionais, Fábio Vilas-Boas integra o American College of Cardiology e a Sociedade Européia de Cardiologia na categoria de Fellow. Vilas-Boas começou sua carreira profissional como médico responsável pelo Serviço de Cardiologia Não-Invasiva do Hospital Aliança, em Salvador. Ao longo de duas décadas, passou pelo Hospital Espanhol, onde foi Diretor Médico, Coordenador de Cardiologia e Presidente do Centro de Ensino e Pesquisas e pelo Hospital Santa Isabel, onde estruturou a Clínica de Insuficiência Cardíaca e desenvolveu atividade assistencial voluntária com pacientes do SUS. O novo gestor da área de Saúde da Bahia tem experiência nas áreas de gestão e clínica.

Maurício Telles Barbosa – secretário da Segurança Pública

Formado em Direito pela Universidade Estácio de Sá (RJ), cursou a Academia Nacional de Polícia, foi superintendente de inteligência e é o atual Secretario de Segurança Pública do Estado da Bahia. Maurício também fez carreira na Polícia Federal, onde foi delegado regional de Combate ao Crime Organizado e delegado-chefe da Delegacia de Repressão a Crimes Patrimoniais na Superintendência Regional da Polícia Federal na Bahia.

Osvaldo Barreto Filho – secretário da Educação

Formado em economia pela Universidade Federal da Bahia, mestre em administração também pela Ufba, especialista em Planejamento pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG –CEDEPLAR). Na década de 70, atuou como técnico do Ministério da Agricultura. Em seguida, foi cedido para Secretaria Estadual de Agricultura do Estado da Bahia. Foi professor da Ufba nas décadas de 80 e 90. No período de 1996 a 2004, assumiu a diretoria da Escola de Administração da Ufba. Trabalhou assessorando a reitoria da universidade no ano de 2005. E em 2009, foi nomeado secretário estadual de Educação do Estado da Bahia.

Marcus Benicio Foltz Cavalcanti – secretário de Infraestrutura

Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal da Bahia, funcionário de carreira do Estado, foi Chefe de Gabinete da Secretaria de Infraestrutura – SEINFRA, onde também foi superintendente de Transportes. Com extensa atividade em vários órgãos da administração pública do Estado da Bahia, integrando vários Conselhos, Marcus Cavalcanti ingressou na vida pública como Oficial de Gabinete da Secretaria da Agricultura do Estado – SEAGRI, de 1979 a 1990. Ocupou ainda os cargos de Diretor Geral da Superintendência dos Desportos da Bahia – SUDESB no período 2003/2004; Diretor Geral da Secretaria da Indústria Comercio e Mineração - SICM 2004/2003; Diretor Geral da Superintendência de Construções Administrativas da Bahia - SUCAB - 2003/1991; Diretor Superintendente do Instituto Pedro Ribeiro, de Administração Judiciária - IPRAJ 1987.

Álvaro Gomes – secretário de Trabalho Emprego Renda e Esporte

Bancário, formado em Farmácia pela Universidade Federal da Bahia e em Psicologia pela Faculdade de Tecnologia e Ciências - FTC, iniciou sua militância política no sindicato dos bancários, onde passou por diversos cargos. Foi eleito deputado estadual pelo Partido Comunista do Brasil – PcdoB, em 2002, e reeleito nos anos de 2006 e 2010, tendo destacada atuação como presidente das Comissões: Especial de Relações do Trabalho, Emprego e Renda, Saúde e Saneamento, Educação, Cultura, Ciência, Tecnologia e Serviço Público.

Josias Gomes – secretário de Relações Institucionais

Formado em Agronomia pela Universidade Federal da Paraíba, tendo sido ativo líder estudantil, está no Partido dos Trabalhadores desde os primeiros movimentos que culminaram na sua fundação. Em 1992, coordenou a campanha de Geraldo Simões para a Prefeitura de Itabuna e ocupou a Secretaria de Assuntos Estratégicos, durante aquela gestão. Em 1997, assumiu a Secretaria Geral do partido na Bahia. No ano de 1999, foi eleito presidente do PT no estado. E este ano foi reeleito Deputado Federal para o 3o mandato.

Geraldo Reis – secretário de Direitos Humanos e Desenvolvimento Social

Sociólogo formado pela Universidade Federal da Bahia e professor da UESB (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia). Foi Secretário de Expansão Econômica do município de Vitória da Conquista, entre 1997 e 2000. Doutorando em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Regional na Universidade Salvador (UNIFACS), publicou vários artigos nas áreas de Planejamento, Gestão, Desenvolvimento de Políticas Públicas e Inclusão Social. Em 2007, foi nomeado Diretor-Geral da SEI (Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia), autarquia da Seplan (Secretaria do Planejamento) e órgão oficial de estatística e pesquisas sociais do Estado da Bahia.

Cássio Peixoto – secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento

Formado em Agronomia pela Universidade Federal da Bahia e com especialização em planejamento estratégico pela Fundação Luiz Eduardo Magalhães, Cássio iniciou sua carreira via concurso público. Desde então atua prestando serviços de assistência técnica e extensão rural em todo o Brasil. Em sua trajetória constam passagens pela Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura; pela Delegacia Federal de Agricultura, Abastecimento e Reforma Agrária. Na Bahia, ele foi diretor executivo da EBDA, diretor do departamento de agropecuária da Seagri e diretor geral da ADAB. Atualmente é presidente da Bahia Pesca.

Paulo Moreno – procurador-geral do Estado

Formado em Direito pela Universidade Federal da Bahia, com especialização em Direito Administrativo (Fundação Faculdade de Direito-PGE/BA) e Pós-Graduando em Direito de Infraestrutura (PGE/BA-FGV). Ingressou na PGE em 1995, tendo atuado na Procuradoria Trabalhista, desempenhando posteriormente os cargos de Chefe da Representação da PGE na SAEB e SETRAS; Procurador Assistente; Procurador Chefe da Procuradoria de Licitações e Contratos e Procurador Chefe da Procuradoria Administrativa. Participou das Comissões para elaboração das propostas da Lei de Licitação e Contrato do Estado da Bahia e da Lei das Organizações Sociais do Estado da Bahia. Atualmente coordena o Grupo de Infraestrutura, vinculado ao Gabinete do Procurador Geral do Estado, acompanhando grandes projetos desta área, como o Metrô, Porto Sul, Concessão da BA 093 e Hospital do Subúrbio.

Eugênio Spengler – secretário do Meio Ambiente

Atual secretário do Meio Ambiente do Estado. Formado em Filosofia. Entre os anos de 2003 e 2007, trabalhou no Ministério do Meio Ambiente (MMA), como coordenador executivo da I e II Conferência Nacional do Meio Ambiente. No MMA, também foi responsável pela implementação das comissões técnicas tripartites estaduais e promoção do Programa de Capacitação de Gestores Municipais de Meio Ambiente. Também atuou como gerente regional da Fundação Estadual de Proteção Ambiental do Estado do Rio Grande do Sul, coordenador da Assessoria Técnica da Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Estado do Rio Grande do Sul, secretário de Planejamento e Meio Ambiente do Município de Santo Cristo (RS) e professor de Saneamento Ambiental pela Universidade de Ijuí (RS). Na Bahia, Spengler também foi consultor técnico das secretarias estaduais da Casa Civil, da Indústria, Comércio e Mineração. Atualmente, dirige a Secretaria Estadual de Meio Ambiente do Estado da Bahia.

Nestor Duarte - secretário de Administração Penitenciária

Formado em Direito pela Universidade Federal da Bahia, é o atual secretário da pasta. Foi deputado estadual por duas vezes; deputado federal constituinte e, outras duas vezes, elegeu-se para a Câmara Federal. É primeiro suplente de senador e membro da Executiva do PDT baiano. Ocupou também o cargo de Secretário Municipal de Transporte e Infraestrutura da capital baiana.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247