Rui evita falar sobre sua chapa em 2018: É muito cedo

Apesar da movimentação às claras por parte dos seus aliados, o governador Rui Costa (PT) ainda não quer tratar em público sobre a articulação para composição da chapa majoritária que ele deve encabeçar em 2018; ele, contudo, não descarta a possibilidade de o senador Otto Alencar (PSD) ser candidato a seu vice, posto ocupado atualmente por João Leão (PP); "Poder, pode. Estou sempre opinando. Mas é prematuro discutir a composição de chapa majoritária. Estamos muito longe das eleições, com muita água para correr. Meu foco são as nossas realizações. Ninguém sabe o que vai ser de reforma política, a política vive muita falta de previsibilidade", disse Rui

Rui Costa
Rui Costa (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - Apesar da movimentação às claras por parte dos seus aliados, o governador Rui Costa (PT) ainda não quer tratar em público sobre a articulação para composição da chapa majoritária que ele deve encabeçar em 2018, quando provavelmente disputará a reeleição.

Em entrevista coletiva ontem (18), ele, contudo, não descartou a possibilidade de o senador Otto Alencar (PSD) ser candidato a seu vice, posto ocupado atualmente por João Leão (PP).

"Poder, pode. Estou sempre opinando. Mas é prematuro discutir a composição de chapa majoritária. Estamos muito longe das eleições, com muita água para correr. Meu foco são as nossas realizações. Se o governador sinalizar pela dispersão de objetivos nesse momento, a gente não faz o que tem de fazer. Minha cabeça está na entrega que precisamos entregar ao povo. Ninguém sabe o que vai ser de reforma política, a política vive muita falta de previsibilidade", disse Rui.

E para incendiar os ânimos, ainda que em tom de descontração, o governador afirmou que ele e Otto seriam "a dobradinha perfeita" na chapa. "Brinquei com ele, e disse que lançaria o nome dele, já que ele lançou o meu".

Rui Costa se preocupou em não rifar a senadora Lídice da Mata (PSB), que afirma que quer seu espaço na chapa para tentar se reeleger. "Tem outros nomes dentro da base, Lídice. Isso temos que discutir", disse o comandante do Executivo baiano.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247