Rui pede reconhecimento nacional ao Dois de Julho

"Hoje é dia de comemorar o Dois de Julho, a liberdade da Bahia e a Independência do Brasil", afirmou o governador Rui Costa na sua chegada ao Largo da Lapinha, em Salvador, para participar da festa em comemoração ao 193º aniversário da Independência da Bahia; ele defendeu que a data seja reconhecida em nível nacional. "Estamos reafirmando o desejo da Bahia para que essa data seja uma data nacional, porque foi aqui que se consolidou a Independência do Brasil. Ela aconteceu na Bahia, mas representa muito para todo país"; o governador aproveitou a boa aceitação e cumprimentou as pessoas ao longo do cortejo

"Hoje é dia de comemorar o Dois de Julho, a liberdade da Bahia e a Independência do Brasil", afirmou o governador Rui Costa na sua chegada ao Largo da Lapinha, em Salvador, para participar da festa em comemoração ao 193º aniversário da Independência da Bahia; ele defendeu que a data seja reconhecida em nível nacional. "Estamos reafirmando o desejo da Bahia para que essa data seja uma data nacional, porque foi aqui que se consolidou a Independência do Brasil. Ela aconteceu na Bahia, mas representa muito para todo país"; o governador aproveitou a boa aceitação e cumprimentou as pessoas ao longo do cortejo
"Hoje é dia de comemorar o Dois de Julho, a liberdade da Bahia e a Independência do Brasil", afirmou o governador Rui Costa na sua chegada ao Largo da Lapinha, em Salvador, para participar da festa em comemoração ao 193º aniversário da Independência da Bahia; ele defendeu que a data seja reconhecida em nível nacional. "Estamos reafirmando o desejo da Bahia para que essa data seja uma data nacional, porque foi aqui que se consolidou a Independência do Brasil. Ela aconteceu na Bahia, mas representa muito para todo país"; o governador aproveitou a boa aceitação e cumprimentou as pessoas ao longo do cortejo (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - "Hoje é dia de comemorar o Dois de Julho, a liberdade da Bahia e a Independência do Brasil", afirmou o governador Rui Costa na sua chegada ao Largo da Lapinha, em Salvador, para participar da festa em comemoração ao 193º aniversário da Independência da Bahia.

Ele defendeu que a data seja reconhecida em nível nacional. "Estamos reafirmando o desejo da Bahia para que essa data seja uma data nacional, porque foi aqui que se consolidou a Independência do Brasil. Ela aconteceu na Bahia, mas representa muito para todo país", disse o governador.

Rui disse que a data representa a esperança em uma Bahia cada vez melhor. "Essa tem sido a minha palavra por onde eu ando, pedindo às famílias que sejam padrinhos da escola para que a gente faça uma grande transformação em nosso estado. Além da transformação que podemos fazer na infraestrutura, a maior transformação será contagiar os corações e as mentes dos baianos em favor da educação".

O governador também ressaltou a importância do Dois de Julho no fortalecimento da democracia. "as manifestações políticas veem às ruas e isso é bom para a democracia. Eu espero um Dois de Julho de paz, de confraternização e comemoração".

Uma das mais importantes datas do calendário baiano, o Dois de Julho pintou as ruas da capital com as cores do estado e do país e atraiu pessoas de todas as idades, na manhã deste sábado, para o cortejo cívico.

Os principais ícones deste capítulo grandioso da história foram lembrados e homenageados, desde o início da batalha, em Cachoeira, até a expulsão das tropas portuguesas, em Salvador. Entre eles, Maria Felipa, Joana Angélica, Maria Quitéria, o General Labatut e o Dom Pedro I. As fanfarras escolares também marcaram presença no ato, tocando clássicos da música brasileira e incentivando a participação popular através das canções.

O governador seguiu no 'Desfile Cívico do Dois de Julho' em direção ao Terreiro de Jesus, acompanhado da primeira-dama do Estado e presidente das Voluntárias Sociais da Bahia, Aline Peixoto.

De acordo com a Polícia Militar da Bahia, 1,2 mil policiais garantem a segurança do evento, que deve ter a participação de cerca de 50 mil pessoas.

À tarde Rui Costa participou da homenagem aos heróis do Dois de Julho, no Comando do 2º Distrito Naval, no Comércio. Ele acompanhou a chegada do cortejo cívico no Campo Grande, ato que encerrou as festividades deste sábado.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247