‘Saberemos se a nossa democracia continuará ou deixará de existir’

Para a presidenta do Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região, Ivone Silva, o julgamento do habeas corpus do ex-presidente Lula no STF ditará o os rumos da democracia no país. "Saberemos se a nossa democracia continuará ou deixará de existir", disse

Para a presidenta do Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região, Ivone Silva, o julgamento do habeas corpus do ex-presidente Lula no STF ditará o os rumos da democracia no país. "Saberemos se a nossa democracia continuará ou deixará de existir", disse
Para a presidenta do Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região, Ivone Silva, o julgamento do habeas corpus do ex-presidente Lula no STF ditará o os rumos da democracia no país. "Saberemos se a nossa democracia continuará ou deixará de existir", disse (Foto: Leonardo Lucena)

Rede Brasil Atual - Para a presidenta do Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região, o julgamento do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Supremo Tribunal Federal, nesta quarta-feira (4), ditará o os rumos da democracia no país. "Saberemos se a nossa democracia continuará ou deixará de existir", disse, em entrevista à TVT.

De acordo com a dirigente, se o STF aceitar o pedido da defesa de Lula estará cumprindo sua principal função. "Ele fará o seu papel de cumprir a lei, ou seja, dar o direito de defesa a todas as pessoas até a última instância", afirma.

Leia a íntegra

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247