Siqueira Campos recebe homenagem máxima do TCE

Na primeira aparição pública desde que renunciou ao governo do Estado em abril deste ano, o ex-governador Siqueira Campos (PSDB) foi homenageado nesta quinta-feira, 20, com a maior honraria conferida pela instituição a uma pessoa, o Colar do Mérito Estadual Governador Siqueira Campos; evento fez parte das comemorações de 25 anos do TCE; em discurso, Siqueira relembrou sua trajetória política, disse que nomeou quatro conselheiros para o TCE, mas nunca influenciou em nenhuma votação; “Não é a amizade ou inimizade que leva um conselheiro ou conselheira a tomar uma decisão"; tucano disse ainda que o estado deve prestar homenagens às memórias do ex-presidente do Congresso Ulysses Guimarães e do jornalista Jaime Câmara

Na primeira aparição pública desde que renunciou ao governo do Estado em abril deste ano, o ex-governador Siqueira Campos (PSDB) foi homenageado nesta quinta-feira, 20, com a maior honraria conferida pela instituição a uma pessoa, o Colar do Mérito Estadual Governador Siqueira Campos; evento fez parte das comemorações de 25 anos do TCE; em discurso, Siqueira relembrou sua trajetória política, disse que nomeou quatro conselheiros para o TCE, mas nunca influenciou em nenhuma votação; “Não é a amizade ou inimizade que leva um conselheiro ou conselheira a tomar uma decisão"; tucano disse ainda que o estado deve prestar homenagens às memórias do ex-presidente do Congresso Ulysses Guimarães e do jornalista Jaime Câmara
Na primeira aparição pública desde que renunciou ao governo do Estado em abril deste ano, o ex-governador Siqueira Campos (PSDB) foi homenageado nesta quinta-feira, 20, com a maior honraria conferida pela instituição a uma pessoa, o Colar do Mérito Estadual Governador Siqueira Campos; evento fez parte das comemorações de 25 anos do TCE; em discurso, Siqueira relembrou sua trajetória política, disse que nomeou quatro conselheiros para o TCE, mas nunca influenciou em nenhuma votação; “Não é a amizade ou inimizade que leva um conselheiro ou conselheira a tomar uma decisão"; tucano disse ainda que o estado deve prestar homenagens às memórias do ex-presidente do Congresso Ulysses Guimarães e do jornalista Jaime Câmara (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - O Pleno do Tribunal de Contas do Estado (TCE) se reuniu na manhã desta quinta-feira, 20, em sessão solene especial para entregar ao ex-governador Siqueira Campos (PSDB) a maior honraria conferida pela instituição a uma pessoa, o Colar do Mérito Estadual Governador Siqueira Campos.

A solenidade ocorreu no hall de entrada do tribunal e fez parte das comemorações de 25 anos do TCE. Além de Siqueira Campos, a comenda que leva seu nome foi entregue para conselheiros, ex-conselheiros e personalidades que fizeram parte da história da instituição.

Na primeira aparição pública desde que renunciou ao governo do Estado em abril deste ano, Siqueira fez uma discurso de agradecimento e relembrou sua trajetória política, desde os tempos em que foi deputado federal na época por Goiás, quando lutou pela criação do Estado do Tocantins.

"Jamais esquecerei isso e essas imagens. Estou muito emocionado e agradecido, este dia ficará marcado para sempre em minha vida", disse. Governador por quatro vezes, Siqueira Campos relembrou que nomeou quatro conselheiros ao TCE, e destacou que nunca houve relações de “compadrio” em virtude disto. “Aqui não é a amizade ou inimizade que leva um conselheiro ou conselheira a tomar uma decisão. Eu jamais pedi a um conselheiro que votasse deste ou daquele jeito”, garantiu.

O ex-governador tucano disse ainda que o estado deve prestar homenagens às memórias do ex-presidente do Congresso Ulysses Guimarães e do jornalista Jaime Câmara. “Não quero morrer sem ver uma estátua de cada um destes homens em espaço público no nosso Estado”, disse.

O presidente do TCE, conselheiro José Wagner Praxedes, também recebeu a comenda do TCE e fez um resgate da história do Tribunal em seu pronunciamento, relembrando os grandes momentos da Instituição. "Esse é o nosso reconhecimento, a nossa justa homenagem a pessoas que fizeram história, não só do Tribunal, mas também do Tocantins, desde a sua criação", disse ele.

Além de Siqueira e Praxedes, foram homenageados com o Colar do Mérito os conselheiros da Corte de Contas, Manoel Pires dos Santos (vice-presidente), Doris De Miranda Coutinho (corregedora), Napoleão de Souza Luz Sobrinho, Severiano José Costandrade de Aguiar e André Luiz de Matos Gonçalves, além da procuradora-geral de contas, Litza Leão Gonçalves, e os conselheiros aposentados José Jamil Fernandes Martins e Herbert Carvalho de Almeida. Também foram homenageados, in memorian, os conselheiros Antônio Gonçalves de Carvalho Filho, João de Deus Miranda Rodrigues e José Ribamar Meneses. Quem recebeu a honraria foi Antônio Delfino Guimarães Sobrinho, filho do primeiro presidente, Júlia Labre Rodrigues, viúva do conselheiro João de Deus e Ana Paula Meneses., filha de José Ribamar.

Além de membros, servidores e homenageados, também prestigiaram o evento, a presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora Ângela prudente; o desembargador Ronaldo Eurípedes de Sousa; o procurador de Justiça José Omar de Almeida Júnior; e o reitor da Unitins, Joaber Divino Macedo.

Colar Siqueira Campos
O "Colar do Mérito Estadual Governador Siqueira Campos" do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins é a maior honraria da Instituição, criada em caráter oficial, destinada a homenagear Pessoas Físicas ou Jurídicas, Instituições Públicas ou Privadas, Nacionais e ou Estrangeiras, que a qualquer tempo tenham prestado relevantes serviços à causa do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins. A homenagem foi criada em 2002, na gestão do conselheiro Herbert Carvalho de Almeida, por meio da Resolução Administrativa n° 235/2002 do TCE.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247