SP tem protesto contra aumento da passagem

Manifestantes protestam no centro da capital paulista contra o reajuste da tarifa de ônibus e metrô; "R$ 3,80 a juventude não aguenta", diz um cartaz; ato foi organizado pelo Movimento Passe Livre, que iniciou as manifestações de junho de 2013

Manifestantes protestam no centro da capital paulista contra o reajuste da tarifa de ônibus e metrô; "R$ 3,80 a juventude não aguenta", diz um cartaz; ato foi organizado pelo Movimento Passe Livre, que iniciou as manifestações de junho de 2013
Manifestantes protestam no centro da capital paulista contra o reajuste da tarifa de ônibus e metrô; "R$ 3,80 a juventude não aguenta", diz um cartaz; ato foi organizado pelo Movimento Passe Livre, que iniciou as manifestações de junho de 2013 (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SP 247 – Um grupo protesta no centro da capital paulista contra o reajuste da tarifa do ônibus e do metrô de R$ 3,50 para R$ 3,80. Os manifestantes se encontraram em frente o Teatro Municipal, na Praça Ramos, e em seguida caminharam até a Sé. Outro ato ocorreu pela manhã, na zona oeste da cidade, próximo ao Terminal Lapa.

"R$ 3,80 a juventude não aguenta", dizia um cartaz. O ato foi organizado pelo Movimento Passe Livre, que iniciou as manifestações de junho de 2013, também contra o aumento da passagem no transporte, que repercutiu em todas as capitais.

Nas redes sociais, o movimento critica a elevação das tarifas e a falta de qualidade do serviço, com ônibus e trens superlotados. "Nosso acesso à cidade e nosso direito de ir e vir continuam sendo mercadorias das mais caras".

Segundo a prefeitura e o governo estadual, o reajuste é inferior à inflação acumulada desde o último reajuste, há um ano, de 10,49%, segundo o IPC-Fipe. A tarifa com integração entre ônibus e trilhos aumentou de R$ 5,45 para R$ 5,92. Já os bilhetes únicos mensal, semanal e 24 horas não serão reajustados.

Com Agência Brasil

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247