STJ nega Habeas Corpus a vereador foragido de Juazeiro do Norte

Ministro relator Felix Fischer negou pedido feito pelos advogados do vereador José de Amélia. A decisão foi publicada hoje

Ministro relator Felix Fischer negou pedido feito pelos advogados do vereador José de Amélia. A decisão foi publicada hoje
Ministro relator Felix Fischer negou pedido feito pelos advogados do vereador José de Amélia. A decisão foi publicada hoje (Foto: Fatima 247)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O vereador foragido de Juazeiro do Norte, José de Amélia Júnior perdeu mais um recurso no judiciário, dessa vez foi um Habeas Corpus, no STJ. O pedido foi negado pelo relator do processo, ministro Felix Fischer. O pedido deu entrada no STJ em 6 de maio. A decisão foi proferida no dia 8 de maio e publicada hoje. 

O Ministério Público denunciou José de Amélia como líder de associação criminosa, autor sete crimes: ordenação de despesa não autorizada, aumento de despesa de pessoal, falsidade ideológica, uso de documento falso, associação criminosa, peculato e lavagem de dinheiros. Além dele, foram denunciadas mais sete pessoas.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247