Tarso: Estado já começou a atender reivindicações

Governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro destaca que todas as reivindicações populares atendidas pelo Palácio do Piratini até agora estavam no Programa de Governo; "O passe livre não constava, por isso que eu afirmo que nós fomos alertados pelo movimento, e tomamos todas as medidas para a implantação deste beneficio", disse o governador, que também destaca o aumento de mais de 120% nos investimentos em saúde e a implantação do Departamento de Controle e Combate à Corrupção

Tarso: Estado já começou a atender reivindicações
Tarso: Estado já começou a atender reivindicações (Foto: Pedro Revillion )

Portal do Estado - O Governo gaúcho foi o primeiro do país a entregar projeto de passe livre estudantil para apreciação do Legislativo. "Nós fomos alertados pela mobilização de que há um problema grave em relação à circulação nas áreas metropolitanas para os estudantes de baixa renda, e isso nos motivou a tomar a medida do passe livre", afirmou o governador Tarso Genro em entrevista ao programa de rádio Mateando com o Governador desta segunda-feira (08).

Aproximadamente 200 mil estudantes de 63 municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre e da Aglomeração Urbana do Litoral Norte, Sul e Nordeste serão beneficiados com o passe livre, que deverá gerar um custo de R$ 10 milhões ao Estado. Conforme o governador, essas regiões fazem parte da linha de abrangência da Fundação Estadual de Planejamento Metropolitano Regional (Metroplan). Para aplicar o benefício, Tarso disse que haverá uma redução no custeio das Secretarias de Estado.

"Mas para estender o passe livre a todos os estudantes gaúchos, tem de haver um aporte de recursos do Governo Federal e das prefeituras. Caso contrário, não é possível, já que seria considerado transporte interurbano, de competência dos municípios", disse o governador. "A medida do Governo do Estado possibilita o passe livre ao transporte metropolitano e cada Secretaria deverá colaborar com uma parte dos recursos para que possamos atender à reivindicação desses aglomerados, que tem um número muito grande de estudantes de baixa renda que usam o transporte público".

Reivindicações das ruas

Tarso afirma também que o Rio Grande do Sul está na frente de todos os outros estados quanto às reivindicações das ruas. Ele aponta o aumento de mais de 120% nos investimentos em saúde e a implantação do Departamento de Controle e Combate à Corrupção, que depois de instituído pela atual gestão já realizou mais de 150 sindicâncias de 289 denúncias recebidas.

Conforme o governador, todas as reivindicações atendidas estavam no Programa de Governo. "O passe livre não constava, por isso que eu afirmo que nós fomos alertados pelo movimento, e tomamos todas as medidas para a implantação deste beneficio", afirmou o governador.

Tarso ainda destacou a participação dos gaúchos nas decisões do governo e a mudança na gestão dos pedágios. "O nosso sistema de participação popular recebeu um prêmio da ONU, sendo reconhecido como o mais aperfeiçoado da América Latina. Já na questão dos pedágios, nos adiantamos baixando os valores", afirmou, ressaltando que a mobilização atual é legitima e trata dos pedágios administrados pelo Governo Federal.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247