TCE volta a suspender estacionamento rotativo de Palmas

O Tribunal de Contas do Tocantins decidiu, mais uma vez, suspender a atuação das empresas que exploram a concessão do serviço de estacionamento rotativo em Palmas; justificativa é que a prefeitura da capital e a empresa Blue não teriam solucionado, de forma satisfatória, as irregularidades observadas no relatório anterior feito pelo TCE

O Tribunal de Contas do Tocantins decidiu, mais uma vez, suspender a atuação das empresas que exploram a concessão do serviço de estacionamento rotativo em Palmas; justificativa é que a prefeitura da capital e a empresa Blue não teriam solucionado, de forma satisfatória, as irregularidades observadas no relatório anterior feito pelo TCE
O Tribunal de Contas do Tocantins decidiu, mais uma vez, suspender a atuação das empresas que exploram a concessão do serviço de estacionamento rotativo em Palmas; justificativa é que a prefeitura da capital e a empresa Blue não teriam solucionado, de forma satisfatória, as irregularidades observadas no relatório anterior feito pelo TCE (Foto: Voney Malta)

Tocantins 247 – Por considerar as justificativas das empresas que exploram a concessão do serviço de estacionamento rotativo em Palmas, o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Severiano José Costandrade de Aguiar, decidiu novamente suspender as operações.

É que a prefeitura da capital e a empresa Blue não teriam apresentado o saneamento, de forma satisfatória, as irregularidades observadas  pelo conselheiro no relatório anterior.

Em abril, o conselheiro relator do caso Severiano José Costandrade de Aguiar suspendeu o contrato de concessão do serviço de estacionamento rotativo. Porém, no julgar o mérito da questão o Pleno do TCE manifestou pela legalidade da concessão do serviço.

No entanto, determinou que a Blue fizesse ajustes e as providências necessárias ao exato cumprimento da lei e apresentasse documentação probatória suficiente, comprovando que foram saneados os apontamentos do Relatório de Inspeção, segundo reportagem publicado no site Cleber Toledo.

Em nota, a Blue anuncia a suspensão das atividades e diz que vai que adotara as medidas judiciais cabíveis para assegurar seu direito preservado.”

Leia a nota abaixo:

A empresa Blue Estacionamentos informa que estará suspendendo suas operações a partir desta data (14/6/17) cumprindo decisão cautelar do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-TO), Severiano José Costandrade de Aguiar.

A empresa informa também que adotara as medidas judiciais cabíveis para assegurar seu direito preservado.

Pedimos desculpas a população e aos usuários do Blue.

Blue estacionamentos”

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247