Teixeira critica decisão do CNJ sobre Moro: ‘o povo precisa recorrer ao Papa?’

"CNJ arquiva processo disciplinar e investigação contra Sérgio Moro. Se quem deveria investigar não cumpre esse papel, a quem o povo brasileiro precisa recorrer? Ao Papa?", questionou o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP)

Teixeira critica decisão do CNJ sobre Moro: ‘o povo precisa recorrer ao Papa?’
Teixeira critica decisão do CNJ sobre Moro: ‘o povo precisa recorrer ao Papa?’ (Foto: Esq.: Lúcio Bernardo Jr - Câmara)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SP 247 - O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) criticou a decisão do Conselho Nacional de Justiça, de arquivar uma representação contra Sérgio Moro que apontava "falta de imparcialidade" por causa de uma viagem dele feita aos Estados Unidos, onde proferiu palestras e recebeu homenagens de instituições privadas. Também tirou uma foto ao lado do pré-candidato ao governo do estado de São Paulo João Dória (PSDB).

"CNJ arquiva processo disciplinar e investigação contra Sérgio Moro. Se quem deveria investigar não cumpre esse papel, a quem o povo brasileiro precisa recorrer? Ao Papa?", questionou o parlamentar em sua conta no Twitter.

A representação foi feita por deputados como Paulo Pimenta (RS) e Wadih Damous (RJ), além do próprio Teixeira. O corregedor nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, arquivou o pedido alegando não ver "elementos que configurem a prática de infração" por parte de Moro.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247